header top bar

section content

Agências Bancárias de Cajazeiras vão entrar em greve a partir desta segunda

O fechamento das agências vai causar um grande prejuízo a empresários e clientes dos bancos, tendo em vista a necessidade da movimentação bancária diária.

Por

27/09/2009 às 09h00

As agências bancárias de Cajazeiras fecharão suas portas a partir desta segunda-feira (28), é o que garante o presidente do Sindicato dos Bancários de Cajazeiras, Nelson Soares da Silva, a categoria se reunirá na tarde desta sexta-feira(25) com o objetivo de fechar o acordo previamente afirmado. 

Segundo Nelson, apenas os caixas eletrônicos e o pagamento dos aposentados do INSS, estarão normalizado. 

A cidade de Cajazeiras tem cinco agências bancárias, e cerca de 70 bancários para atender toda a demanda da região polarizada pela terra do Padre Rolim, que corresponde a mais de 25 municípios, entre os estados da Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. 

O fechamento das agências vai causar um grande prejuízo a empresários e clientes dos bancos, tendo em vista a necessidade da movimentação bancária diária, além do pagamento de duplicatas e saques de cheques, dentre outros. 

Na cidade de Sousa, as agências bancárias fecharam suas portas na manhã da última sexta-feira(25), por tempo indeterminado, atendendo apenas aos aposentados e os caixas eletrônicos. 

Reivindicação
Na Paraíba, o Sindicato dos Bancários explicou que a quinta rodada de negociações, ocorrida em São Paulo, não satisfez as exigências da categoria. A federação continuou propondo reajuste salarial de 4,5%, o que levou o Comando Nacional a rejeitar novamente a negociação e definir um calendário para a greve. Os trabalhadores alegam que este percentual cobre apenas o índice da inflação. Eles exigem aumento de 10%, o que significaria 6% de reajuste real. 

"Com esse valor, banqueiros negam aumento real e estimulam os bancários a fazer greve", declarou o representante da categoria no estado, Marcos Henriques. 

Além do aumento, estão na pauta de reivindicações dos bancários a participação nos lucros e resultados, melhores condições de trabalho, o fim das filas, juros baixos, tarifas justas e segurança para todos. 

JOSELITO FEITOSA
Da Redação do Diário do Sertão

Tags:
MUITO ESTRAGO

VÍDEOS: Chuva com vendaval causa destruição de prédios em Cajazeiras e Sousa e assusta moradores

DE 22 A 27 DE JANEIRO

VÍDEO: Teatro Ica completa 34 anos em Cajazeiras com extensa e diversificada programação cultural

DE 2017 PARA ESTE ANO

VÍDEO: São José de Piranhas tem aumento alarmante de homicídios em 2018; confira balanço da PM na região

VIXE!

VÍDEO: Vidente detalha futuro da imprensa de Cajazeiras e prevê mortes: “Não chega às festas juninas”