header top bar

section content

Poeta de Cajazeiras faz poema sobre a doenças transmitidas pelo mosquito Aedes. Veja!

José Emílio retratou em um de seus poemas a história desse mosquito e está fazendo sucesso em meio aos cajazeirenses com o repente

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

25/05/2017 às 10h08

O poeta repentista José Emílio de Morais, natural da cidade de Cajazeiras, Sertão do estado, fez um poema sobre a doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.

Um dos insetos mais temíveis do brasileiro, o Aedes é um mosquito com listras pretas e brancas em seu corpo, transmissor de diferentes doenças ao ser humano como a dengue, zika e chikungunya, que aterrorizou todo o país no ano de 2016 com essas doenças.

José Emílio retratou em um de seus poemas a história desse mosquito e está fazendo sucesso em meio aos cajazeirenses com o repente.

Assista ao vídeo acima!

DIÁRIO DO SERTÃO

"AQUI NESSA MESA DE BAR"

VÍDEO: Homenagem a garçons de Cajazeiras no programa Xeque-Mate tem música, drinks e boas histórias

SAÚDE E BEM-ESTAR

VÍDEO: Sangramento nas regiões do reto e do ânus pode ser sinal de doença grave, avisa médico

APOIO DE CRAQUE

VÍDEO: Embaixador do Campeonato Paraibano, Hulk diz que está à disposição para ajudar clubes do Sertão

COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS

VÍDEO: Para advogado da OAB de Cajazeiras, investir em presídios e não em escolas é ‘enxugar gelo’