header top bar

section content

VÍDEO: Apresentações artísticas, museu e verba marcam posse do novo secretário de Cultura de Cajazeiras

Durante a solenidade, prefeito reafirmou compromisso de elevar a secretaria, dar mais destaque na dotação orçamentária e apoiar o projeto de instalação do museu

Por Jocivan Pinheiro

15/01/2018 às 14h42 • atualizado em 15/01/2018 às 14h43

A solenidade de posse do novo secretário executivo de Cultura do município de Cajazeiras, Ubiratan de Assis, realizada na sexta-feira (12), foi bastante prestigiada, com as presenças de autoridades políticas, gestores públicos, intelectuais e representantes de vários setores das artes e da cultura cajazeirense.

Antes do ato oficial de posse, houve apresentações culturais com grupos de teatro, de dança de rua e recital poético com a participação do próprio secretário, que á ator e produtor de teatro.

Durante a solenidade, o prefeito José Aldemir (PP) reafirmou seu compromisso de elevar a Secretaria Executiva de Cultura para o nível de Secretaria de Cultura, dar mais destaque à pasta na dotação orçamentária do município e apoiar o novo secretário no projeto de instalação do Museu de Cajazeiras.

VEJA TAMBÉM: Com Secretaria de Cultura e Ubiratan de Assis no comando, Cajazeiras eleva seu patamar cultural e histórico, afirma colunista

Bira recebendo Portaria das mãos do prefeito e da primeira-dama

O prefeito destacou a competência e o engajamento de Ubiratan na área da cultura. Este, por sua vez, afirmou que tem o propósito de trabalhar criando um calendário cultural em Cajazeiras. Para isso, deverá aglutinar todos os setores artísticos da cidade.

“Eu vim aqui não para dividir. Eu vim para somar. Somar a vontade do fazer cultural. Essa é minha missão. Eu não tenho vaidade nenhuma por esse título de secretário. Eu tenho é uma vontade enorme de fazer, do fazer cultural, da ação cultural de Cajazeiras. Por isso que eu venho aqui para juntar forças”, declarou Bira.

Solenidade de posse reuniu várias personalidades

O novo secretário não deixou passar a oportunidade de criticar a displicência da sociedade cajazeirense e dos gestores público com a história da cidade.

“Eu como cajazeirense apaixonado que sou pela minha terra, estou vendo que a nossa memória cultural e histórica está sendo jogada na lata de lixo. Mas vamos tirar essa história do lixo e colocar no museu. É essa minha primeira aspiração”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Deputado cajazeirense abre o jogo e revela com quem fica após o racha no PSB da Paraíba

EDUCAÇÃO

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre tradicional colégio de Cajazeiras e recebe diretora, professoras e alunas

ALUNOS DÃO SHOW

VÍDEO: 3º dia da Mostra de Conhecimentos destaca a natureza, tecnologias, leitura, teatro e matemática

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: advogado sousense fala sobre a redução da maioridade penal. Você é contra ou a favor?