header top bar

section content

VÍDEO: Malhação do Judas na Sexta-Feira Santa já é tradição no município de Santa Helena

O idealizador do evento disse que são 11 anos de realização da malhação do Judas, e se depender dele não vai acabar.

Por Luzia de Sousa

31/03/2018 às 16h59 • atualizado em 31/03/2018 às 17h04

Confeccionado em tamanho natural e direcionado a político corrupto ou a qualquer pessoa que incomode, na noite dessa Sexta-Feira Santa (30), o boneco que representa o apóstolo judas que traiu Jesus foi amarrado em um tronco para ser malhado sem piedade. É a punição ao traidor, o preço a ser pago pelo boneco-espantalho que representa o discípulo traiçoeiro de Jesus. “A vitória do bem sobre o mal”.

+ VÍDEO: Procissão do “Senhor Morto” leva multidão às ruas de Cajazeiras na programação da Semana Santa

Costume trazido pelos portugueses para o Brasil – assim como toda a tradição do catolicismo –, a Malhação ou Queima do Judas, embora com menos intensidade, segue como manifestação folclórica tradicional, no Sítio Várzea da Ema município de Santa Helena-PB é uma festa que reúne pessoas de várias cidades da região.

José Ítalo, produtor de eventos disse ser uma brincadeira sadia, que agrada a todos. “Vem de muito tempo, dos nossos avôs e não podemos deixar acabar.

Malhação do judas é tradição em Santa Helena

Atualmente, é cada vez mais comum os Judas retratarem, não o apóstolo da Santa Ceia, mas algum político da atualidade e assim, a representação religiosa do passado muda de personagem e de foco.

Antonio Jurandir, idealizador do evento disse que são 11 anos de realização da malhação do Judas, e se depender dele não vai acabar. “Agrada até as crianças”.

.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

NA VILA NOVA

VÍDEO: Advogado acusa PM de abuso de autoridade durante blitz em Cajazeiras: “Atitude transloucada”

EVENTOS ATÉ DIA 06/12

VÍDEO: Prefeito de Monte Horebe anuncia pagamento de servidores e programação do aniversário da cidade

ESTELIONATO

VÍDEO: Após dois golpes em banco de Cajazeiras, advogado mostra como vítimas devem buscar seus direitos

FIQUE POR DENTRO

Radialista sousense fala das condenações de ex-prefeitos e visita da PF na casa de empresário no Sertão