header top bar

section content

Livro sobre história do município de São João do Rio do Peixe é lançado em solenidade. Veja Fotos!

O livro histórico aborda sobre o povoamento e formação de um dos mais antigos núcleos populacionais do alto sertão paraibano

Por

10/06/2015 às 16h44

O professor mestre em história e escritor Wlisses Estrela de Albuquerque Abreu, lançou o livro "São João na Colônia e no Império: fazenda, povoado e vila (1691-1889), na noite desse sábado (06) no salão nobre da Festmais Recepções em São João do Rio do Peixe. O livro histórico aborda sobre o povoamento e formação de um dos mais antigos núcleos populacionais do alto sertão paraibano, a atual cidade de São João do Rio do Rio do Peixe.

Com a presença de centenas de convidados, além de autoridades, políticos, jornalistas, professores, intelectuais e diversas personalidades, o lançamento do livro foi emocionante tendo a participação da Orquestra FUNFFEC de Cordas da Fundação Francisca Fernandes Claudino da cidade de Luís Gomes/RN e da Orquestra de Saxofones Baião de Seis pertencente a Fundação Lica Claudino de Uiraúna/PB.

A apresentação da obra ficou por conta do poeta, escritor e produtor cultural Nivaldo Amador de Sousa, que discorreu sobre os principais assuntos abordados no livro que vão desde o “descobrimento” do rio do Peixe em 1691 até o contexto da vila são-joanense no ano da proclamação da República ocorrida em 1889.

O autor, professor mestre Wlisses Estrela, muito emocionado em seu discurso agradeceu enternecido aos colaboradores do evento, bem como ao grande incentivador cultural, empresário João Claudino Fernandes, pela publicação de obra tão importante para a compreensão da história de uma das mais antigas cidades do vale do rio Peixe, além de destacar a contribuição que ora dava a sua terra. 

Segundo o autor, o livro configura-se em um referencial interpretativo a todos aqueles que desejam conhecer o passado da cidade, seus personagens, suas vivências, os seus movimentos políticos, suas lutas internas e demais aspectos que marcaram a localidade ao longo de quase 200 anos de história.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde