header top bar

section content

Carnaval de Cajazeiras ganha mais um bloco de rua: “Os Piratas do Açude Grande”

O caçula dos blocos de rua de Cajazeiras fará concentração a partir das 16h00min no Leblon (antigo Balde do Açude).

Por

13/01/2015 às 16h43

No domingo (13) de Carnaval, os “Piratas do Açude Grande” irão invadir a cidade de Cajazeiras pelo terceiro ano, trazendo muita folia e um pouco do carnaval tradicional, com direito a marchinhas, rock’n roll e brega.

O caçula dos blocos de rua de Cajazeiras fará concentração a partir das 16h00min no Leblon (antigo Balde do Açude), onde sairá pelas principais ruas da cidade ao som do frevo e marchinhas carnavalescas, entre as 18h00 e 18h30min, retornando em seguida para o mesmo local de concentração, onde acontecerá a Praça do Rock 2015.

Histórico
O Piratas do Açude Grande foi idealizado no mês de janeiro de 2013 por um grupo de amigos cajazeirenses, que enquanto caminhavam pelo Bairro dos Bancários, na capital João Pessoa, perceberam que ali havia a presença muito forte de vários blocos de carnaval de rua, e então pensaram: por que não fundamos também um bloco alternativo em nossa cidade para somar com outros já existentes, como as Virgens e o Cafuçu? A partir daquele momento começavam a surgir os primeiros passos do bloco. Inicialmente a preocupação era escolher um nome bem consistente e original. Veio então a ideia de uma guerra de massa de “maizena” entre os componentes do bloco, e por causa disso o primeiro nome sugerido foi o de “Maizene-se”.

Após o retorno para o sertão, a ideia foi divulgada entre outros amigos que, não comungando da ideia da guerra de massa, sob a alegação de que isso poderia provocar confusões entre foliões e expectadores, já que nem todos gostam de se sujar, pediram que o nome e a atitude do bloco fossem repensados. Daquele momento em diante o nome foi alterado para: “Piratas de Açude Grande”; primeiro porque foi um nome propagado pelo professor universitário de História Paccelli Gurgel (in memoriam), em alusão ao velho açude que fica encravado no centro da cidade, um dos responsáveis pelo desenvolvimento do primeiro núcleo de povoamento de Cajazeiras (PB) no fim do século XVIII e começo do XIX; segundo por conta da web rádio “Piratas do Açude Grande”, que é/era formada pelo pessoal ligado ao movimento rock’n roll do município. 

O bloco “Piratas do Açude Grande” foi concebido para manter viva a tradição dos antigos carnavais de rua, com direito a fantasias de piratas, estandartes, homenageados, muita marchinha e frevo, tendo o seu ponto forte que é o final do percurso às margens do Açude Grande ao som do bom e velho rock’n roll e do brega.

Da Assessoria

Tags:
PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde