header top bar

section content

Cajazeiras antecipa fim das aulas

Ano letivo na rede municipal começou tarde e terminou cedo

Por

07/12/2007 às 17h47

Pais de alunos da rede municipal de ensino de Cajazeiras estão questionado o abreviamento do calendário escolar. Uma parte do ano letivo de Cajazeiras começou em fevereiro, a outra em março em virtude de vistorias realizadas nos transportes pelo Ministério Público. 

Esta semana, diretores e professores foram surpreendidos com uma ordem de serviço da secretária da Educação, Andréa Braga, determinando o fim das aulas até esta sexta-feira. A denuncia é do tesoureiro do sindicato dos funcionários municipais de Cajazeiras SINFUC, Francisco das Neves

De acordo com Das Neves, pelos cálculos normais, o ano letivo deveria terminar somente no dia 21: "Será por falta de dinheiro ou de merenda. É uma vergonha. Isso só acontece em Cajazeiras".

Procurada pela nossa reportagem, a secretária, Andréa Braga, não foi encontrada para comentar o assunto.

SHARLENE DANTAS
Da redação do DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
SEIS CIDADES

VÍDEO: Candidatos da Paraíba e do Ceará concorrem em mais uma eliminatória do Talentos do Sertão 2022

SEPARADOS À FORÇA

VÍDEO: Família se emociona em Cajazeiras no reencontro de mãe e filho que não se viam há mais de 50 anos

AO LADO DO PRESIDENTE

VÍDEO: Cícero Lucena ouve sonora vaia de apoiadores de Bolsonaro e tem dificuldade para discursar

DOGMAS

VÍDEO: Padre explica por que Igreja Católica Brasileira não celebra casamento de pessoas do mesmo sexo

Recomendado pelo Google: