header top bar

section content

Professora de CZ que ajudou a fundar o PT diz que o Brasil tem dívida com os negros

Risomar Santos é uma das figuras mais participativas nos movimentos sociais que acontecem em Cajazeiras

Por Jocivan Pinheiro

17/08/2016 às 16h10

Uma das principais militantes sociais de Cajazeiras, a professora Risomar Santos, que é de João Pessoa, contou sua história de lutas e superações no programa Interview, da TV Diário do Sertão.

Risomar é uma das figuras mais participativas nos movimentos sociais que acontecem em Cajazeiras. E como educadora, vive travando batalhas por uma educação livre, pública e de qualidade.

Entre outras histórias, ela conta as dificuldades que sofreu para estudar sendo pobre e negra. Hoje, mestre em Educação e doutora em Psicologia da Educação, Risomar é referência na área.

Na entrevista não poderiam faltar os seus contundentes posicionamentos ideológicos e políticos. A favor das cotas nas universidades, ela afirma que o país tem uma dívida com os negros.

Ainda jovem, ingressou nos movimentos da Teologia da Libertação da Igreja Católica e também nos movimentos sociais, e participou da fundação do PT em João Pessoa.

Ela declarou que está receosa de que o governo Temer venha a privatizar o ensino público, e criticou o Projeto de Lei denominado “Escola sem Partido”.

DIÁRIO DO SERTÃO

ENTREVISTA ESPECIAL

DIA DO MÉDICO: Um dos médicos mais respeitados de Cajazeiras relata fatos marcantes do seu ‘sacerdócio’

RESULTADOS MARCANTES

VÍDEO: Na capital, jornalista cajazeirense avalia vitória de Azevêdo e derrota de Cássio: “Foi um marco”

ACONTECE EM NOVEMBRO

VÍDEO: Secretária da Prefeitura e gerente do Sebrae dão detalhes sobre a feira Expo Negócios Cajazeiras

EPISÓDIO 5

VÍDEO: Programa Coisas de Cajazeiras especial reverencia os mestres na arte de educar: os professores