header top bar

section content

Caçadores de Pokémon tentam entrar no Senado e polícia é acionada

Polícia Legislativa foi chamada para controlar cerca de 50 pessoas, diz coluna

Por Campelo Sousa

26/08/2016 às 09h02

Pokémon Go é barrado no senado (Foto: Sergio Perez/Reuters)

A Polícia do Senado foi mobilizada no início da noite desta quinta-feira (25) para controlar um grupo de cerca de 50 pessoas que tentou entrar no prédio durante a sessão de julgamento do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff.

As informações são do blog de Matheus Leitão, do G1. Os agentes chegaram a achar que as pessoas eram manifestantes pró ou contra o impeachment, mas depois notaram que se tratavam de jogadores do game.

A segurança da áres do Congresso Nacional está reforçada devido a receios de protestos durante a sessão sobre o afastamento definitivo de Dilma. O acesso aos prédios também foi restrito.

A movimentação do grande número de pessoas gerou correria e assustou servidores que circulavam pelo local. Depois de serem retirados, os jogadores seguiram em direção ao Palácio do Planalto.

Notícias ao Minuto

Recomendado para você pelo google

INSATISFEITO

VÍDEO: Carnavalesco critica horários para encerrar blocos em Cajazeiras e proibição de paredões de som

DEUS AMOU O MUNDO

VÍDEO/FOTOS: Milhares de pessoas participam de show de Frei Gilson no 35º Retiro de Carnaval em Pombal

ALEGRIA DO SERTANEJO

VÍDEO: população comemora sangria de açude da região do Vale do Piancó após fortes chuvas

MOMENTO DE UNÇÃO

VÍDEO: Comunidade católica que viaja o mundo anima fiéis em retiro espiritual na cidade de Sousa

Conteúdo Protegido!