header top bar

section content

No Sertão: Oposicionista prevê data para cassação e manda recado duro para prefeito

O entrevistado revelou que a bancada de oposição reduziu, com a adesão do Pastor Jodorrildo para o grupo de Zé Vieira.

Por

12/06/2014 às 14h05

O Frente a Frente da TV Diário do Sertão entrevistou o vereador Carlos José

O Frente a Frente da TV Diário do Sertão dessa quarta-feira (11), entrevistou o vereador da cidade de Marizópolis, Carlos José. Ele destacou as eleições da Mesa Diretora da Casa Legislativa do município, que ocorreu na rua, pois a Câmara estava fechada.

O vereador que faz oposição ao prefeito José Vieira (PSC), declarou que o gestor usa “Laranjas”, para ganhar todas as licitações das obras, e mandou recado duro para o gestor: “Lá em Marizópolis é na base da chibata, mas este reinado está chegando ao fim. 20 anos que foi emancipada sempre foi governada por ele”.

Carlos revelou que esta semana foram rejeitados os embargos do ex-gestor e declarou: “Até o mês de setembro o vice-prefeito vai assumir o cargo. Tenho certeza. Zé Vieira quer mandar na vida pessoal das pessoas, e opositor para ele é inimigo pessoal”.

Segundo o vereador, o vice-prefeito Zé de Pedim rompeu politicamente com o prefeito, logo após a demissão dos ocupantes de cargos indicados pelo vice.

O entrevistado revelou que a bancada de oposição reduziu, com a adesão do Pastor Jodorrildo para o grupo de Zé Vieira. “É fraco. Ele é fraco de espírito, não vive sem o poder, sem mamar no ‘peito da cabritinha’”.

Notas
O vereador deu 10 aos pais e justificou: “Eles me ensinaram a ser homem. São tudo para mim”. 

O político deu 10 para seu nome como prefeito de Marizópolis. “Não tenho este sonho, mas se for uma decisão do grupo, meu nome está a disposição”.

Carlos deu 10 a perseguição política. “Existe demais isso lá. O salário do vice-prefeito saiu somente hoje, e ele recebia todo dia 30. Isso é perseguição. O 10 é porque em Marizópolis tem demais”.

O marizopolense deu 10 aos filhos. “Deus me confiou eles para que eu lhes proporcionasse bons exemplos”.

Ele deu nota 10 ao atual vice-prefeito, Zé de Pedim como prefeito. “Zé de Pedim é um homem trabalhador, e ele vai fazer um trabalho voltado para o povo”.

E os zeros?
O vereador deu nota zero ao presidente da Câmara Raniele Roberto. “Está sendo levado pelo prefeito. Não tem decisão própria”.

O político deu zero ao Coronelismo e disparou: “O prefeito é o Coronel. Ele quer manipular a vida particular das pessoas. Faz um trabalho covarde”.

Ele deu zero a traição na Câmara. “Nas eleições da Casa o prefeito foi até a minha residência para pedir voto para o atual presidente. Zé Vieira não pode falar em traição, porque ele traiu Roberto Paulino, Cássio Cunha Lima e muitos outros”.

Carlos deu nota zero para a bancada de situação, que conta com cinco vereadores dos nove. “São mandados. São marionetes do prefeito pelos cargos que têm na prefeitura ”.

O vereador ainda deu zero ao Governo do prefeito Zé Vieira. “Não respeita ninguém, para conseguir seus objetivos passa por cima dos filhos e da esposa. Não tem respeito pela justiça”.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

AGRESSÃO AO MEIO AMBIENTE

VÍDEO: Após lutar contra fogo em serra, padre faz alerta sobre queimadas ‘criminosas’ em Cajazeiras

COMBATE AO CÂNCER DE MAMA

VÍDEO: Prefeitura de Cajazeiras abre campanha Outubro Rosa com entrega de mamógrafo para a população

ECONOMIA

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe empresário José Kennedy e debate sobre o setor calçadista no Brasil

JUSTIÇA

VÍDEO: Xeque Mate promove debate entre promotor e advogado sobre nova lei de abuso de autoridade