header top bar

section content

Tragédia na África marca o primeiro dia de 2008

A violência explode mais uma vez no “Continente Esquecido”. No Quênia, país com cerca de 30 milhões de habitantes, uma forte onda de violência assola a população desde as eleições para presidente, realizadas na última quinta-feira (27/12/2007). Após a segunda vitória do atual presidente Mwai Kibaki, confrontos entre rivais políticos e adeptos do Governo tornaram-se […]

Por

02/01/2008 às 11h19

A violência explode mais uma vez no “Continente Esquecido”. No Quênia, país com cerca de 30 milhões de habitantes, uma forte onda de violência assola a população desde as eleições para presidente, realizadas na última quinta-feira (27/12/2007).

Após a segunda vitória do atual presidente Mwai Kibaki, confrontos entre rivais políticos e adeptos do Governo tornaram-se freqüentes naquele país.

A maior tragédia até agora, aconteceu nesta terça-feira (1), quando manifestantes incendiaram uma casa, na cidade de Eldoret, com cerca de 50 pessoas dentro, sendo a maioria crianças, que se escondiam dos conflitos armados.

O presidente da União Africana, John Kufuor, visita o país esta semana para tentar negociar medidas com o Governo que minimizem os conflitos, que já fizeram mais de 300 vítimas, desde as eleições do dia 27, segundo informações da KHRC (Comissão de Direitos Humanos do Quênia).

Da redação do Diário do Sertão

Tags:
SEIS CIDADES

VÍDEO: Candidatos da Paraíba e do Ceará concorrem em mais uma eliminatória do Talentos do Sertão 2022

SEPARADOS À FORÇA

VÍDEO: Família se emociona em Cajazeiras no reencontro de mãe e filho que não se viam há mais de 50 anos

AO LADO DO PRESIDENTE

VÍDEO: Cícero Lucena ouve sonora vaia de apoiadores de Bolsonaro e tem dificuldade para discursar

DOGMAS

VÍDEO: Padre explica por que Igreja Católica Brasileira não celebra casamento de pessoas do mesmo sexo

Recomendado pelo Google: