header top bar

section content

Funcionários da Saelpa aprovam indicativo de greve

Cerca de 500 eletricitários da Saelpa aprovaram hoje um indicativo de greve para a próxima semana. A decisão foi anunciada durante uma assembléia realizada pela manhã, em frente à sede da empresa, no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa. O presidente do Sindeletric-PB, Manuel Henrique, explicou que a participação da categoria é uma resposta […]

Por

30/11/2007 às 08h15

Cerca de 500 eletricitários da Saelpa aprovaram hoje um indicativo de greve para a próxima semana. A decisão foi anunciada durante uma assembléia realizada pela manhã, em frente à sede da empresa, no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa.

O presidente do Sindeletric-PB, Manuel Henrique, explicou que a participação da categoria é uma resposta às 50 demissões efetuadas pela empresa durante todo o mês de novembro. Os eletricitários também cobram da Saelpa uma contra-proposta à pauta de reivindicações apresentada para encaminhamento da Campanha Salarial 2007/2008.

“Pais de família com mais de 20 anos de serviços prestados à Saelpa foram colocados no olho da rua, sem nenhuma explicação. Sabemos que a empresa faz essa manobra para reduzir salários, isto é: outros profissionais com salários menores irão desempenhar as mesmas funções dos que foram mandados embora, mas com salários menores”, acusou.

Sobre a campanha salarial, o presidente do Sindeletric disse que a empresa tem um faturamento mensal de R$ 70 milhões e uma folha salarial de 1.800 funcionários. Segundo Manuel Henrique, a folha representa algo em torno de 2% do valor total do faturamento.” Estamos buscando de todas as formas a negociação. Até o momento não foi definido, por exemplo, o índice da Participação dos Lucros. Isso deveria ter acontecido no começo deste ano”, explicou.

Serviços essenciais – Manuel Henrique informou que hoje à tarde, foi realizada uma reunião na sede da CUT-PB, onde representantes de vários sindicatos e do movimento social anunciaram apoio a decisão dos eletricitários. O vice-presidente da CUT-PB, Arimatéia França, que participou da reunião, falou que está ocorrendo também, por parte da Saelpa, uma intervenção na organização sindical. “Por isso o movimento sindical está solidário com os eletricitários, já que outras categorias estão em data-base e não podemos aceitar a ingerência patronal nas nossas decisões”, afirmou.

O presidente do Sindeletric, Manuel Henrique falou ainda que já comunicou a empresa da decisão da assembléia de hoje. Caso a greve seja deflagrada, a categoria irá respeitar o que determina a lei, garantiu. “A população não sofrerá problemas como falta de energia, mas é preciso ficar claro que a Saelpa é que não se dispõe a dialogar com o sindicato e evitar uma paralisação dos trabalhadores.

Fonte: Portal Paraíba

Tags:
SORTEIO DE R$ 100,00

VÍDEO: “O que o Brasil mais precisa?” agitou o Pix Diário do programa Olho Vivo; veja as respostas

CULTURA NORDESTINA

VÍDEO: Comerciantes de fogos juninos se adaptam para manter tradição em barraquinhas da cidade de Sousa

TRADIÇÃO DA ÉPOCA

VÍDEO: Comerciantes de produtos juninos avaliam vendas em Cajazeiras e temem mudança para outro local

REAÇÃO

VÍDEO: Governador diz que lei sancionada por Bolsonaro é ‘absurdo’ e não reduz preços dos combustíveis

Recomendado pelo Google: