header top bar

section content

Aliada de Bolsonaro condena ajuda a vítima de estupro coletivo e diz que homens são inocentes. VÍDEO!

Ela diz que a ajuda prestada à jovem que foi vítima de um estupro coletivo no Rio de Janeiro é política e visaria obter votos.

Por Luzia de Sousa

27/05/2016 às 17h16

A ex-feminista que adora uma polêmica, Sara Winter, e atual aliada do deputado Jair Bolsonaro publicou um vídeo polêmico em seu canal de Youtube.

Veja também!

? REVOLTA: Vítima menor de idade que foi estuprada por 33 homens presta depoimento

No vídeo, a moça, que já esteve ligada à correntes neo nazistas, diz que a ajuda prestada à jovem que foi vítima de um estupro coletivo no Rio de Janeiro é política e visaria obter votos. Ela condena a apropriação da triste história da jovem como plataforma política.

Também defendeu os homens que “sempre se f****** para dar uma vida boa para as mulheres”. A declaração entusiástica era a resposta a um Twitter da cantora Pitty, que disse que os homens estupram porquê acreditam na impunidade.

Polêmica Paraíba

Recomendado para você pelo google

ENTREVISTA

Presidenta do Coren diz que enfermeiro pode ter clínica, luta pelo piso salarial e fala sobre concursos

POSSÍVEL CANDIDATO

VÍDEO: Ex-prefeito de Cachoeira dos Índios revela quais os ‘vices dos sonhos’ para sua chapa em 2020

AVENIDA LOTADA

VÍDEO: Show de comunidade católica famosa em todo o Brasil reúne multidão em São José de Piranhas

TERRAS

VÍDEO: Diversidade em Foco fala da Comissão Pastoral da terra e da luta agrária no sertão