header top bar

section content

SEGUNDA SANGRENTA: Em cidade do Sertão, duas pessoas são mortas a facadas num intervalo de poucas horas

Jovem de 29 anos e senhor de 49 foram assassinados em bar e em residência, respectivamente; a polícia ainda investiga quais as motivações para os dois crimes

Por Jocivan Pinheiro

30/10/2017 às 22h18 • atualizado em 30/10/2017 às 22h21

Vítima do primeiro homicídio (Foto: Patos Online)

Duas pessoas foram mortas com golpes de faca nesta segunda-feira (30), na cidade de Patos, Sertão paraibano, num intervalo de poucas horas.

No primeiro caso o jovem Giliarde Trindade Pereira, de 29 anos, foi executado com um golpe de faca que atingiu seu pescoço. Ele estava em um bar nas proximidades do cemitério São Miguel, bairro Belo Horizonte.

Testemunhas relataram que o assassino chegou, chamou pelo nome de Giliarde para identificá-lo e em seguida desferiu o golpe. Depois jogou a faca no chão e fugiu correndo. A vítima ainda tentou pedir socorro, mas acabou tombando e morreu minutos depois no meio da rua.

O segundo homicídio ocorreu à noite, por volta das 19 horas, no bairro Sete Casas, na localidade conhecida como “Cangote do Urubu”, onde um homem identificado como Geraldo Francisco da Silva Filho, de 49 anos, também foi assassinado a golpes de faca quando estava bebendo em sua residência e um desconhecido teria chegado e efetuado as facadas.

Viaturas da Polícia Militar foram deslocadas até o bairro na tentativa de localizar o autor do homicídio. Ainda não se sabe as motivações para os dois crimes.

Vítima do segundo homicídio (Foto: Patos Online)

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

POBREZA EXTREMA

VÍDEO: Desempregada, doente e grávida, mulher faz apelo por ajuda em Cajazeiras para não passar fome

ESTUDO INÉDITO

VÍDEO: Expedição da FSM vai explorar o Nordeste para resgatar saberes populares sobre plantas medicinais

"ONIX, ONIX, ONIX"

VÍDEO: Festa retrô com banda dos anos 90 resgata carnaval com blocos tradicionais de Cajazeiras

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Após fazerem as ‘pazes’, Jeová e Júnior vão dividir cargos na saúde com Estela, diz comentarista