header top bar

section content

VÍDEO: Delegada dá detalhes do caso do feto que foi encontrado em rua de Cajazeiras: “Foi lamentável”

Ela pretende identificar não só a mãe, mas também possíveis pessoas que possam ter ajudado no aborto e no abandono do feto de aparentemente seis meses

Por Jocivan Pinheiro

30/04/2018 às 14h33 • atualizado em 30/04/2018 às 14h35

A delegada Ana Valdenice abriu inquérito para apurar o caso do feto que foi encontrado dentro de uma sacola neste domingo (29) em Cajazeiras.

Ela pretende identificar não só a mãe, mas também possíveis pessoas que possam ter ajudado no aborto e no abandono do feto de aparentemente seis meses.

VEJA TAMBÉM: Feto é encontrado dentro de sacola de lixo no Centro de Cajazeiras

Para identificar a mãe, a polícia está consultando unidades de saúde da cidade para saber se os atendimentos nas últimas horas indicam alguma paciente suspeita.

“O feto se encontrava inteiro. Com certeza a gestante deve ter tido o auxílio de outra pessoa e serão investigadas tanto a gestante como a pessoa que auxiliou nesse ato criminoso, porque realmente foi lamentável”, declarou a delegada.

Feto estava dentro de sacola pendurada em árvore

O feto foi encontrado por um pedestre que passava pela rua Barão do Rio Branco, no Centro. Ele estava dentro de uma sacola pendurada em uma árvore. A perícia foi acionada rapidamente, já que a unidade criminalística da Polícia Civil fica na mesma rua.

Rua Barão do Rio Branco

DIÁRIO DO SERTÃO

ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo