header top bar

section content

Polícia prende estelionatário procurado em dois estados e evita furto a comércio no Sertão

O acusado, um homem de 30 anos de idade, foi preso nas proximidades de um galpão utilizado para guardar mercadoria e estava com alicate de pressão

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

17/08/2018 às 17h35

Ele foi preso na cidade de Patos, antes mesmo de furtar um estabelecimento comercial

A Polícia Militar frustrou um furto a um estabelecimento comercial e prendeu um estelionatário procurado em dois estados do país, na madrugada desta sexta-feira (17), na cidade de Patos, no Sertão do estado. O acusado, um homem de 30 anos de idade, foi preso nas proximidades de um galpão utilizado para guardar mercadoria e estava com alicate de pressão, chave de fenda e lanterna, materiais que seriam usados para a prática do crime.

A prisão foi realizada pelos policiais do 3º Batalhão, que durante ações preventivas receberam uma denúncia de um vigilante sobre dois homens em atitude suspeita que estavam nas proximidades do estabelecimento, no Centro de Patos. Durante a abordagem policial, apenas um homem foi localizado e contra ele foi constatado um mandado de prisão em aberto, expedido pelo Tribunal de Justiça do Maranhão, pelo crime de estelionato.

O foragido foi localizado com ferramentas e com um carro, que seria utilizado para a fuga. O preso foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde foi constatado que havia um segundo mandado de prisão, também pelo crime de estelionato, expedido no estado de Rondônia. Ele está à disposição da Justiça.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

POLÊMICA

VÍDEO: Vereador cobra a convocação do concurso de Cajazeiras: ‘Era de urgência e o prefeito não convoca’

VÍDEO

Deputado cajazeirense abre o jogo e revela com quem fica após o racha no PSB da Paraíba

EDUCAÇÃO

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre tradicional colégio de Cajazeiras e recebe diretora, professoras e alunas

ALUNOS DÃO SHOW

VÍDEO: 3º dia da Mostra de Conhecimentos destaca a natureza, tecnologias, leitura, teatro e matemática