header top bar

section content

Radialista paraibano é denunciado ao TRE por suspeita de crime eleitoral após postar foto em rede social

Emerson 'Mofi' postou foto com seu voto digitado na urna fato que pode configurar crime eleitoral.

Por Portal Diário com G1PB

29/10/2018 às 11h17

Registro foi feito a partir de postagem de rede social e encaminhado pelo aplicativo Pardal do TRE-PB (Foto: Divulgação/TRE-PB)

O radialista Emerson Machado foi denunciado ao Tribunal Regional Eleitoral após registrar o voto na urna e postar em um perfil pessoal no Instagram neste domingo (28). O radialista, que é conhecido como popularmente como “Mofi”, postou uma foto do seu voto na urna e uma mensagem escrita a favor do candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL).

A denúncia foi enviada por meio do aplicativo Pardal, da Justiça Eleitoral, as 12h20 deste domingo (28). Emerson Mofi foi candidato a deputado federal pelo Avante nestas Eleições 2018 e obteve pouco mais de 33 mil votos, mas não conseguiu ser eleito.

A denúncia apontou que o caso foi registrado na zona 70 e seção 582. Após registro da denúncia, o radialista apagou a postagem. O caso segue sendo investigado pela Justiça Eleitoral.

Outra denúncia
Um outro eleitor, identificado como Valdemar Júnior, publicou um vídeo no status do WhatsApp no momento da votação diante de uma urna eletrônica. Na gravação, aparece tanto a urna, como o voto do eleitor. A denúncia foi registrada às 2h deste domingo (28). O caso está sendo investigado pela Justiça Eleitoral. Até as 17h, tinham sido registradas apenas as duas denúncias eleitorais na Paraíba, de acordo com o TRE-PB.

Fonte: Portal Diário com G1PB - https://g1.globo.com/pb/paraiba/eleicoes/2018/noticia/2018/10/28/radialista-e-denunciado-ao-tre-por-suspeita-de-crime-eleitoral-na-paraiba.ghtml

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde

ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa