header top bar

section content

NO SERTÃO: Resultado das eleições pode ter motivado mulher grávida ‘atacar’ Polícia Militar

O caso foi parar na delegacia e a mulher vai responder judicialmente sobre o caso. O delegado falou sobreo caso e explicou como ocorreu.

Por Luzia de Sousa

30/10/2018 às 14h46 • atualizado em 30/10/2018 às 14h52

Polícia Militar da Paraíba (Foto ilustrativa)

Uma mulher grávida de 35 anos, natural da cidade de Olho D’Água, no Vale do Piancó, mas residente em Patos, Sertão da Paraíba foi denunciada nessa segunda-feira (29) por injúria contra a Polícia Militar após postagem em sua rede social Instagram.

Na publicação a mulher fez a seguinte declaração: “Dentro da Polícia é cheio de bandido. De ladrão de drogado. Muitos roubam celular, usam as drogas dos presos e muito mais”.

O delegado da Polícia Civil de Patos, Demétrius Patrício explicou que a corporação se sentiu ofendida e identificou a mulher, que foi conduzida à Delegacia.

“Acredito eu que pelo calor das eleições ou pelo resultado até delas, não se sabe ainda, acabou desferindo xingamentos gratuitos contra instituição da Polícia Militar aqui da Paraíba”, disse o delegado.

Mulher fez postagem na rede social Instagram

Patrício informou que foi lavrado Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO) contra a mulher, que em seguida foi liberada.

“Apesar de não ser crime violento contra a pessoa não deixa de ser uma conduta que a lei proíbe, esse tipo de ofensa gratuita, ainda mais nas redes sociais”, finalizou.

Ouça áudio do Portal Patos Verdade!

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

POLÊMICA

VÍDEO: Vereador cobra a convocação do concurso de Cajazeiras: ‘Era de urgência e o prefeito não convoca’

VÍDEO

Deputado cajazeirense abre o jogo e revela com quem fica após o racha no PSB da Paraíba

EDUCAÇÃO

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre tradicional colégio de Cajazeiras e recebe diretora, professoras e alunas

ALUNOS DÃO SHOW

VÍDEO: 3º dia da Mostra de Conhecimentos destaca a natureza, tecnologias, leitura, teatro e matemática