header top bar

section content

Homem assassinado em Sousa havia incendiado a casa dos pais e tentado matar seu pai, segundo a polícia

Janiel Januário da Silva, de 26 anos, ateou fogo na casa dos pais em 2017 e teria tentado matar seu pai com um facão. Ele chegou a fugir, mas depois foi preso

Por Jocivan Pinheiro

02/12/2018 às 11h12 • atualizado em 02/12/2018 às 11h18

A vítima Janiel Januário da Silva

O homem que foi assassinado a tiros na noite deste sábado (01), no Distrito de São Gonçalo, município de Sousa, no Sertão paraibano, tinha passagens pela polícia por dano a patrimônio privado e tentativa de homicídio.

Segundo a polícia, Janiel Januário da Silva, de 26 anos, ateou fogo na casa dos pais em 2017 e teria tentado matar seu pai com um facão. Ele chegou a fugir, mas depois foi preso.

VEJA MAISHomem reage a assalto no Sertão da PB e sua esposa acaba morrendo baleada pelos bandidos

Janiel foi executado a tiros por volta das 22 horas deste sábado. De acordo com as primeiras informações da polícia, a vítima estava em casa quando foi surpreendida por disparos de arma de fogo efetuados por desconhecidos. Janiel morreu no local. A autoria do crime ainda é um ministério para a Polícia Civil.

Uma equipe do SAMU foi acionada para prestar socorro, mas quando chegou ao local, Janiel já estava morto. A Polícia Militar isolou a área até a chegada da equipe do GTE e do IPC. Em seguida, o corpo foi encaminhado ao Numol de Patos.

DIÁRIO DO SERTÃO

DIÁRIO ESPORTIVO

VÍDEO: Na TV, dirigentes do Atlético de Cajazeiras explicam contratações fechadas e outras que ‘melaram’

NOVAS CRÍTICAS

VÍDEO: Para líder católico de Cajazeiras, o Nordeste será “um recanto esquecido” por Bolsonaro

CLIMA DE EMOÇÃO

VÍDEO: Amigos e familiares destacam o legado de Dr. Toinho durante velório do advogado em Cajazeiras

ECONOMIA

VÍDEO: Com fila zerada, Bolsa Família injeta quase R$ 2 milhões por mês em Cajazeiras, diz coordenador