header top bar

section content

Polícia Civil cumpre 47 mandados de prisão em operação contra o crime organizado em Sobral, no Ceará

A organização criminosa atuava em todos os bairros da cidade e é suspeita de cometer crimes como assaltos a bancos e homicídios.

Por G1 CE

13/06/2019 às 10h18

A organização criminosa atuava em todos os bairros da cidade e é suspeita de cometer crimes como assaltos a bancos e homicídios.

A Polícia Civil do Ceará cumpre, na manhã desta quinta-feira (13), 47 mandados de prisão em uma operação contra o crime organizado em Sobral, no norte do Ceará. Cerca de 200 agentes de todo o estado cumprem ainda 54 mandados de busca e apreensão desde a madrugada. Até a publicação, 17 pessoas já haviam sido detidas.

Segundo o delegado Marcos Aurélio, do Departamento de Polícia do Interior (DPI) Norte, a organização criminosa atuava em todos os bairros de Sobral e é suspeita de cometer crimes como assaltos a bancos e homicídios.

A operação foi denominada “Os Covardes”, em referência ao grupo criminoso, que era encabeçado por uma dupla conhecida como “Irmãos Coragem”.

Foram apreendidas drogas, munição “e outros documentos importantes que irão instruir o inquérito”, disse o delegado.

Participam da operação policiais da região norte, de Fortaleza e da Região Metropolitana, incluindo forças especializadas, além da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

Fonte: G1 CE - https://g1.globo.com/ce/ceara/noticia/2019/06/13/policia-civil-cumpre-47-mandados-de-prisao-em-operacao-contra-o-crime-organizado-em-sobral-no-norte-do-ceara.ghtml

Recomendado para você pelo google

NASCEU DE NOVO!

VÍDEO: condutor-socorrista do SAMU salva bebê que estava engasgado e sem respirar em Patos

ASSISTA À ENTREVISTA

EXCLUSIVO: Em Cajazeiras, Ciro Gomes fala sobre Lula, PT, Bolsonaro, Ricardo, João Azevêdo e eleições

VÍDEO

Empresário revela convite das oposições de Cajazeiras para disputar a prefeitura e derrotar Zé Aldemir

EVENTO CATÓLICO

VÍDEO: I Adora Cristo é sucesso em Cajazeiras, e coordenador da Missão Éfeso acredita em crescimento