header top bar

section content

VÍDEO: Lei Maria da Penha completa 13 anos e números de denúncias cai em Patos: “Não podem se intimidar”

Silvia revelou que essa redução é preocupante, por um lado parece que a violência diminuiu, porém, causa uma preocupação pois as mulheres podem estar cada vez mais intimidadas:

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

08/08/2019 às 16h32 • atualizado em 08/08/2019 às 18h28

A delegada Silvia Alencar titular da delegacia da mulher da cidade de Patos, Sertão da Paraíba, prestou entrevista ao Diário do Sertão e falou sobre a redução no número de denúncias de crimes contra a mulher. Em 2018 foram 473 inquéritos distribuídos, no entanto durante o primeiro semestre de 2019 foram apenas 100 casos registrados.

Silvia revelou que essa redução é preocupante, por um lado parece que a violência diminuiu, porém, causa uma preocupação pois as mulheres podem estar cada vez mais intimidadas:

“Violência doméstica não é apenas a agressão física, também é a violência psicológica, palavras de humilhação, sexual e toda mulher que se sentir violentada em algum aspecto da vida dela, deve procurar a delegacia”, destacou.

A delegada afirmou que a mulher não pode deixar de procurar a delegacia e registrar o caso. Ela disse também que 99% dos casos de violência contra a mulher são cometidos por agressores embriagados.

“Não deixem de procurar a delegacia e se não tiverem contato com a delegacia, procurar o órgão de proteção pode encaminhar essa mulher até a delegacia”, finalizou Silvia.

Delegada da mulher em Patos, Dra Silvia Alencar

LEI MARIA DA PENHA

Decretada pelo Congresso Nacional e sancionada pelo então presidente na época Luiz Inácio Lula da Silva em 7 de agosto de 2006, a lei entrou em vigor no dia 22 de setembro de 2006. Desde a sua publicação, a lei é considerada pela Organização das Nações Unidas como uma das três melhores legislações do mundo no enfrentamento à violência contra as mulheres. Além disso, segundo dados de 2015 do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), a lei Maria da Penha contribuiu para uma diminuição de cerca de 10% na taxa de homicídios contra mulheres praticados dentro das residências das vítimas.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

DINHEIRO NO BOLSO

VÍDEO: Show e Prêmios Alô da Sorte realiza mais um sorteio mensal da rodada extra; Saiba quem ganhou

PROFESSORES CONTRATADOS

VÍDEO: Após pressão de vereador, prefeitura de Cajazeiras confirma pagamento de salários atrasados

VIOLÊNCIA SEM PARAR

VÍDEO: Jovem é morto com vários tiros e mulher fica ferida após ser vítima de bala perdida em Cajazeiras

TRAGÉDIA

VÍDEO: Comandante da PM lamenta morte de vereador e diz que assassinos são conhecidos no crime