header top bar

section content

Acusado de matar mulher a facadas na região de Patos é preso e diz que a matou por causa de dívidas

O episódio ainda foi presenciado pelo filho da vitima fatal, uma criança de apenas 05 anos de idade.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

30/08/2019 às 09h34

Ele acabou ferido durante a briga que terminou na morte da esposa

Foi preso pela Polícia Civil da Paraíba, por meio da 15ª DSPC, da cidade de Patos, Sertão do estado, o suspeito de assassinar a ex-mulher na cidade de Condado, região patoense.

+ QUARTA-SANGRENTA: homem mata ex-mulher dentro de casa e esfaqueia a filha de 13 anos, na região de Patos

A prisão aconteceu nesta quinta-feira (29), após mandado de prisão preventiva ser expedido pelo Juízo de Direito da Comarca de Malta, pelo crime de feminicidio contra sua ex-companheira  e tentativa de feminicidio contra sua enteada.

O crime repercutiu em todo o estado. O acusado fugiu após os crimes e acabou preso mesmo durante sua apresentação perante a Delegacia de Policia, acompanhado de advogado.

Durante o interrogatório, o ex-marido confessou os crimes, alegando que matou a companheira porque ela deixou de pagar uma divida financeira, e tentou contra a vida da enteada adolescente porque esta tentou impedir a ação criminosa dele contra a mãe da adolescente.

O episódio ainda foi presenciado pelo filho da vitima fatal, uma criança de apenas 05 anos de idade.

O acusado foi custodiado na carceragem da Central de Polícia de Patos, para ser apresentado ao juízo competente, em audiência de custódia.

DIÁRIO DO SERTÃI

Recomendado para você pelo google

POLÊMICA

VÍDEO: Vereador cobra a convocação do concurso de Cajazeiras: ‘Era de urgência e o prefeito não convoca’

VÍDEO

Deputado cajazeirense abre o jogo e revela com quem fica após o racha no PSB da Paraíba

EDUCAÇÃO

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre tradicional colégio de Cajazeiras e recebe diretora, professoras e alunas

ALUNOS DÃO SHOW

VÍDEO: 3º dia da Mostra de Conhecimentos destaca a natureza, tecnologias, leitura, teatro e matemática