header top bar

section content

Mulher de 37 anos é presa em cidade da região de Patos por porte ilegal de arma de fogo e ameaça

A suspeita já se encontrava em regime condicional por ter sido acusada de ter matado o próprio pai com um tiro de espingarda, fato ocorrido acerca de três meses.

Por Luiz Adriano

24/01/2021 às 10h12

Imagem meramente ilustrativa

Uma mulher de 37 anos foi presa na tarde deste sábado (23) na cidade de Matureia, região de Patos. De acordo com informações policiais, a acusada ameaçou de morte uma senhora e sua sobrinha de 14 anos com uma espingarda de fabricação artesanal de calibre indefinido, conhecida como “Soca-soca”. O fato aconteceu no sítio Olho D’água dos Costas, zona rural do município.

Conforme depoimento da vítima, com a ajuda de suas irmãs, conseguiram dominar a suspeita, tomaram a arma dela e em seguida acionara a polícia.

VEJA TAMBÉM

Homem é preso por atirar contra várias pessoas em confraternização, no Ceará

A acusada foi detida por porte ilegal de arma de fogo e por ameça. Ela já se encontrava em regime condicional por ter sido acusada de ter matado o próprio pai com um tiro de espingarda, fato ocorrido acerca de três meses.

A suspeita e a arma que ela usava foram apresentadas ao Delegado de plantão na Delegacia de Teixeira para providências cabíveis a serem tomadas.

DIÁRIO DO SERTÃO

DE CORTAR O CORAÇÃO

VÍDEO: Égua, cega e abandonada cai por duas vezes no canal do Estreito e é resgatada por ONG em Sousa

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dráuzio Varella faz palestra em evento online da Faculdade Santa Maria e fala sobre a pandemia

PROTEÇÃO NECESSÁRIA

VÍDEO: Coronavac protege cerca de 80% do risco de morte, diz secretário executivo da Saúde da Paraíba

PARAÍBA

VÍDEO: Secretário executivo de Educação explica nova meta de alfabetização e fala em obras em Cajazeiras

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!