header top bar

section content

Professora, advogado e padre falam sobre suas expectativas para o governo Temer

O advogado Saulo Péricles condenou a junção do Ministério da Cultura com o Ministério da Educação

Por Jocivan Pinheiro

17/05/2016 às 18h11 • atualizado em 17/05/2016 às 20h09

Durante a inauguração da nova Livraria Universitária na Faculdade São Francisco (FASP), a professora do curso de Administração, Graça Brasil, o engenheiro e advogado Saulo Péricles (Pepé) e o padre José Miguel Lisboa comentaram sobre a situação político-econômica pela qual atravessa o Brasil e suas expectativas em relação ao governo Temer.

Professora Graça Brasil

Professora Graça Brasil

A professora Graça Brasil ressalta que mudanças impactantes como uma troca repentina de governo provoca um período de instabilidade no país e ansiedade na população, mas às vezes elas são necessárias para que a normalidade se restabeleça depois.

“Eu acho que a mudança só acontece de cima para baixo. Para melhorar a situação em que a gente se encontrava, tinha que ter uma mudança, e toda mudança gera impacto, todo impacto gera ansiedade, expectativa, mas eu sou a favor das mudanças.”

.

Padre José Miguel e Saulo Péricles

Padre José Miguel e Saulo Péricles

O engenheiro e advogado Saulo Péricles condenou a junção do Ministério da Cultura com o Ministério da Educação. Para ele, essa medida empobreceu o país em termos de políticas culturais.

“Pode ser uma coisa economicamente viável, mas pode ser uma coisa que empobreça. Tudo vai depender do encaminhamento que se der”, resumiu.

Já o padre José Miguel Lisboa pediu cautela e racionalidade à população e aos políticos nesse momento.

“Eu acho que é um momento de reflexão. Nós temos que pensar um pouco, não deixar que a emoção tome conta. Que a gente vá mais pelo uso da razão para que possamos encontrar uma solução. E eu tenho esperança que alguma coisa vai mudar para melhor.”

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

PARA TUDO!

VÍDEO! Garis realizam greve e toneladas de lixo deixam de ser coletados na cidade de Patos

PROGRESSÃO DE PENA

VÍDEO: Presidente da OAB-PB diz que pedido do MP e recusa de Lula para semiaberto têm motivo político

RECÉM-INAUGURADO

VÍDEO: Após morte de homem, perita explica por que o IML de Cajazeiras não atendeu a ocorrência

AGRESSÃO AO MEIO AMBIENTE

VÍDEO: Após lutar contra fogo em serra, padre faz alerta sobre queimadas ‘criminosas’ em Cajazeiras