header top bar

section content

Inquérito contra Cássio no STF está concluso e aguarda agora decisão de ministra

A Operação Concorde, da PF, apurou esquemas de desvios de recursos e lavagem de dinheiro na campanha eleitoral do PSDB da Paraíba em 2006.

Por Priscila Belmont

04/04/2017 às 16h56

Cássio Cunha Lima, senador da Paraíba

O processo que investiga Cássio Cunha Lima (PSDB) sobre o caso do “dinheiro voador”, também conhecido como “Caso Concorde”, que está no Supremo Tribunal Federal (STF), teve movimentação nesta segunda-feira (3), como concluso à relatora, ministra Rosa Weber.

A Operação Concorde, da Polícia Federal, apurou esquemas de desvios de recursos e lavagem de dinheiro na campanha eleitoral do PSDB da Paraíba em 2006.

A operação se tornou lendária em João Pessoa (PB), porque literalmente choveu dinheiro na capital paraibana. Para não ser pego em flagrante pela PF, um operador da política local, Olavo Lira, conhecido como Olavinho, teria jogado R$ 400 mil do alto do edifício Concorde. As informações são do blog do Fernando Caldeira.

Paraíba Já

ATENDENDO PLEITOS

VÍDEO: Senador paraibano destina verba para compra de aparelho de ressonância magnética para Sousa

FOME NÃO ESPERA

VÍDEO: API adere campanha Sertão Solidário e ajuda radialistas das regiões de Cajazeiras, Sousa e Pombal

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Passando fome com os filhos, mulher implora por ajuda e revela ter recebido cesta básica de Zé Aldemir durante campanha eleitoral

POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL

VÍDEO: Inspetora diz que clonagens de carros têm sido constante na PB e alerta sobre compra de seminovos

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!