header top bar

section content

Nascido em São João do Rio do Peixe e cajazeirense de coração, pai do prefeito de São Luís conta como se tornou uma força no Maranhão

O deputado estadual Edivaldo Holanda esteve visitando a região de Cajazeiras, onde veio reencontrar familiares e amigos

Por Jocivan Pinheiro

09/06/2017 às 15h23 • atualizado em 09/06/2017 às 15h27

O programa Interview desta quinta-feira (08) recebeu um convidado especial. Nesta semana, esteve visitando o Sertão da Paraíba o deputado estadual do Maranhão Edivaldo Holanda (PTC), que veio especialmente para a região de Cajazeiras reencontrar familiares e amigos. Na oportunidade ele conversou com José Dias Neto no programa de entrevistas da TV Diário do Sertão.

Edivaldo de Holanda Braga é pai do atual prefeito de São Luís, Edivaldo de Holanda Júnior. Durante todo o programa ele falou sobre sua trajetória pessoal e política.

Edivaldo nasceu na antiga Antenor Navarro, hoje São João do Rio do Peixe, mas ainda bebê veio morar em terras cajazeirenses, e mesmo tendo nascido em Antenor Navarro, disse que em Cajazeiras encontrou um torrão que lhe acolheu e lhe possibilitou visibilidade.

Edivaldo Holanda

Ainda jovem, liderou movimentos estudantis que na época tinham a fama de serem revolucionários. Toda essa luta lhe possibilitou adentrar na política. Ainda na adolescência, viajou pelo Brasil porque tinha o sonho de se formar em Direito. Ao chegar em Fortaleza-CE, um familiar lhe ofereceu uma oportunidade de ser gerente de uma empresa de redes na capital maranhense. Com apenas 17 anos, Edivaldo não hesitou.

Chegando no Maranhão, ele teve que conciliar o trabalho com os estudos, mesmo seu tio/chefe não aceitando. Mas escondido, concluiu o curso de Direito e começou na política de forma tímida, até porque os Sarneys eram os grandes detentores do poder no Estado. Mesmo assim, em 1976 foi candidato a vereador em São Luís e ficou entre os mais votados. A partir de então começou a tomar gosto pela política e começou a alçar voos mais altos.

Edivaldo Holanda foi vereador, deputado estadual, deputado federal constituinte, e em 2014 foi um dos principais apoiadores da candidatura de Flávio Dino (PCdoB) ao Governo do Estado, que após o resultado das urnas conseguiu derrotar os candidatos apoiados pelo grupo dos Sarneys.

Edivaldo Holanda

JOSÉ SARNEY

Ele disse que José Sarney montou um império grandioso no Maranhão, englobando Poder Judiciário, classe política e meios de comunicação. Mas o povo não aguentava mais o estilo ‘arcaico de governar’ daquele grupo político.

FUTURO

Edivaldo Holanda Júnior, filho de ‘Holandão’, é prefeito de São Luís e dentro do grupo situacionista do Estado do Maranhão é um dos nomes mais cotados para suceder Flávio Dino para o Governo do Estado em uma possível candidatura em 2022.

BRASIL

Ele disse que a Operação Lava-Jato expôs os grandes problemas da corrupção no Brasil, e destacou que a corrupção é um problema histórico brasileiro, que mesmo as eleições estando às portas, não existe um nome íntegro para assumir o destino do País.

Afirmou também que são poucos os políticos presidenciáveis que não são citados na Lava-Jato. Para ele, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e o ex-ministro Ciro Gomes (PDT-CE), embora sejam ‘limpos’, não teriam o apoio do Congresso. “Se um presidente for eleito e não tiver base no Congresso, ele sofre impeachment, mesmo não tendo crime de responsabilidade, eles [deputados] inventam.”

DIÁRIO DO SERTÃO

VÍDEO: Ambientalista critica prefeito de Pombal por não resolver problema do lixão na entrada da cidade

CONHEÇA SEUS DIREITOS

VÍDEO: Advogados de Cajazeiras criticam INSS e orientam sobre o que fazer quando um benefício é cortado

FARIA 97 ANOS NESTE MÊS

VÍDEO: Historiador explica por que Padre Gualberto foi o ‘Padre Rolim do século XX’ em Cajazeiras

QUARTO EPISÓDIO

Em homenagem ao Dia das Crianças, programa Coisas de Cajazeiras entrevistou uma turma esperta e antenada