header top bar

section content

Após denúncias de supersalários, prefeito de Cajazeiras baixa decreto e estipula regras para gratificações e vantagens a servidores públicos

O decreto assegura ainda que qualquer vantagem ou gratificação terão que ser justificadas, além de obedecer critérios.

Por Luzia de Sousa

15/06/2017 às 10h33 • atualizado em 15/06/2017 às 10h34

Prefeito de Cajazeiras, José Aldemir (PP)

Após algumas denúncias de supersalários na gestão do prefeito José Aldemir (PP) em Cajazeiras, o gestor da Terra do Padre Rolim baixou um decreto nessa quarta-feira (14), que enumera critérios para concessão de gratificações a servidores.

+ Prefeito de Cajazeiras responde a Vituriano, denuncia que Jr Araújo tinha Corolla e combustível bancados pela prefeitura, compara Carlos Antonio a Zé Vieira e dispara: “Bandido”

Segundo o decreto, todas as gratificações e vantagens terão que passar pela aprovação do gestor, deixando de ser implantadas por secretários e outros agentes públicos.

O decreto assegura ainda que qualquer vantagem ou gratificação terão que ser justificadas, além de obedecer critérios.

Veja na íntegra!

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

ESTELIONATO

VÍDEO: Após dois golpes em banco de Cajazeiras, advogado mostra como vítimas devem buscar seus direitos

FIQUE POR DENTRO

Radialista sousense fala das condenações de ex-prefeitos e visita da PF na casa de empresário no Sertão

6ª EDIÇÃO DO EVENTO

VÍDEO: Mesa Redonda da Faculdade Santa Maria discute direitos e diversidade humana; veja como participar

VÍDEO

Chico Mendes diz que pode dividir palanque com Cleide e dispara: “Tô pronto para disputar com Paula”