header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Luto da oposição com asfalto em Cajazeiras e a operação xeque-mate são os destaques da Faísqueira

A coluna Faísqueira da Gazeta do Alto Piranhas traz os moídos da política na cidade de Cajazeiras

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

22/07/2018 às 10h52

Recapeamento asfáltico é retomado em Cajazeiras

Briga de saias  Na política partidária da Paraíba nunca as mulheres estiveram em tanta evidência e estão sendo disputada a tapa pelos caciques para fazerem parte de suas chapas nas disputas para todos os cargos nas eleições que se avizinham. Os nomes mais badalados: Micheline Moura Rodrigues, Maisa Cartaxo, Lígia Feliciano e Daniela Ribeiro. Por trás de um grande homem existe sempre uma forte mulher ou ao lado de uma mulher existe sempre um homem com muito poder?

Desprezados  Os lideres políticos da Paraíba, até o momento só fixam os olhos para dois municípios: João Pessoa, que já tem 500 mil eleitores e Campina Grande com 282 mil e todas as formações das chapas estão passando necessariamente por estes dois redutos eleitorais por terem uma representatividade muito grande no cenário estadual. E o resto? Bem, o resto é só uma questão de detalhe.

O povo é besta?  De quem é o voto, do eleitor ou do cabo eleitoral? Tudo leva a crer que ainda tem candidato que cai nas “lábias” dos chamados cabos eleitorais e “compram” o seu prestígio para conseguir votos. Para as eleições deste ano o candidato que não tiver serviço prestado, um bom discurso, uma excelente mídia e muiiiito dinheiro o resultado será pífio depois da abertura das urnas.

De luto   Um popular ao ver as ruas da cidade de Cajazeiras sendo asfaltadas, comentou: “estas longas faixas pretas representam o luto que as oposições ao prefeito Zé Aldemir passam a viver a partir de agora” e outro ainda ressaltou: “e o prefeito demonstra que pode viver sem o governo do estado”. Zé gastou vários solados de sapato andando pelos corredores dos ministérios em Brasília garimpando dinheiro. Cabe o velho ditado: “cobra que não anda não engole sapo”

Dilema   Cajazeiras reclama e quer a recuperação das comportas e da parede do Açude Engenheiro Ávidos, mas este serviço que poderia ter sido feito quando o açude estava praticamente seco, agora vai ter que esvaziá-lo até a altura do volume morto para poder executar a obra, assim dizem os técnicos, em função de um vazamento que existe nas velhas comportas. E agora?

Está ótimo  Os ribeirinhos do Rio Piranhas estão achando muito bom o pequeno vazamento de água pelas comportas velhas do Açude Engenheiro Ávidos, porque está alimentando uma diminuta lâmina de água no curso do rio, o que vem permitindo ter água sempre limpa para os animais, para irrigar e para beber. Estes, com certeza, não querem o conserto do vazamento.

Barricada  Os habitantes do Distrito de Engenheiro Ávidos estão prometendo fazer uma “barricada” para impedir que os técnicos da ANA permitam a liberação de 10 milhões de metros cúbicos de água do Açude de Boqueirão de Piranhas, com o objetivo de irrigar as plantações de bananeiras e coqueiros de São Gonçalo. A coisa pode feder e pode até gente morrendo afogado.

Marcos Barros  João Fumaça, grande colaborador da Faisqueira, teria ouvido do vereador Marcos que “não abre para ninguém de ser candidato a prefeito de Cajazeiras nas próximas eleições”. Estaria tendo o sinal verde do governador Ricardo Coutinho, a quem teria confidenciado este seu desejo. Bom relacionamento, conversa de derrubar avião, simpatia, jeitoso e coragem de trabalhar é com ele mesmo. Precisa só ter cuidado com os traíras.

Xeque-mate  A Operação xeque-mate  continua dando dor de cabeça ao cajazeirense Fabiano Gomes, que teve a sua empresa “visitada”  pela Polícia Federal, que foi alvo de mandato de busca e apreensão nesta quinta-feira. Isto ainda vai render mais do que “precisão” em casa de pobre. O Gordinho tá precisando das bênçãos de Padre Francivaldo, seu velho amigo.

Paz e guerra   O prefeito Zé Aldemir, em sua fala, nesta quinta-feira, durante a entrega de 12 veículos para a Secretaria de saúde do município falou muito em amor, em Deus e tinha até um padre ao seu lado, mas ao mesmo tempo continua em guerra com seus opositores e ex-aliados e como sempre deu “estocadas” neles com espada afiada.

Pensando no futuro  A vereadora Léa Silva está vibrando com a perspectiva de o presidente do DEM, ex-senador Efraim Morais, ser o candidato a vice-governador na chapa de João Azevedo. Efraim eleito, ela põe os dois pés no governo. No grande encontro do DEM, na Várzea, em apoio a Efraim, com a presença de João Azevedo, levou a tiracolo o seu filho Reinaldo Jálder, que estaria sendo “burilado” pra lhe substituir na política.

Gazeta do Alto Piranhas

VÍDEO

Secretário responde a sindicato e diz que acusações contra prefeito de Cajazeiras podem parar na Justiça

CLUBE VIVE IMPASSE

VÍDEO – Representante do Atlético em reunião da FPF apresenta fórmula para participar do Paraibano 2019

VÍTIMA DA DIABETES

VÍDEO: Ameaçada de perder o segundo pé, idosa de Cajazeiras pede ajuda para adquirir sandália especial

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas