header top bar

section content

ELEIÇÃO NA AL: Adriano Galdino diz que ficou surpreso com Tião Gomes e manda recado para Hervázio

Adriano Galdino (PSB) venceu as eleições para presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba para os próximos dois biênios após reviravolta nos bastidores da casa

Por Jocivan Pinheiro

02/02/2019 às 20h20 • atualizado em 03/02/2019 às 01h18

O deputado estadual Adriano Galdino (PSB) venceu as eleições para presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba na sexta-feira (01). Sim, eleições no plural porque após reviravolta nos bastidores, Galdino foi eleito presidente para os dois próximos biênios

Após as vitórias, Adriano Galdino disse que assumirá o comando da mesa diretora da ALPB na próxima segunda com o objetivo de dar tranquilidade para o governador João Azevêdo (PSB) administrar o estado.

“A coisa transcorreu de uma forma diferente. Mas estou absolutamente tranquilo de que fiz a coisa certa e eu como presidente vou poder dar a João a tranquilidade durante quatro anos, como fiz quando fui presidente com Ricardo [Coutinho, ex-governador, PSB], para que ele possa implementar suas ações administrativas sempre em busca de uma Paraíba melhor e mais justa para todos”, disse o novo presidente da ALPB.

Adriano Galdino falou a TV Diário do Sertão que a reviravolta que o elegeu não afetará sua relação com deputado Hervázio Bezerra (PSB).

“Eu sou um deputado que não guardo dinheiro porque não tenho, mas também não guardo raiva, nem rancor, nem ressentimento de ninguém. Da minha parte está tudo tranquilo, não só com ele, mas com os demais deputados. Hoje não tem mais vencedores nem vencidos. Somos 36 deputados a partir de segunda-feira trabalhando em busca de uma Paraíba melhor e mais justa”.

VEJA TAMBÉMDeputados de Cajazeiras falam sobre expectativas para início do mandato na ALPB

Radialista Levi Dantas entrevista o novo presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (Foto reprodução TV Diário do Sertão)

Reviravolta

Com os nomes de Adriano Galdino e Hervázio Bezerra (PSB) sendo cotados para o primeiro e segundo biênio, a única ressalva era se o deputado Tião Gomes (Avante) iria contra a recomendação do governador João Azevêdo e lançaria sua candidatura para o segundo biênio.

Após a eleição para o primeiro biênio, onde Adriano Galdino venceu por unanimidade, Tião Gomes teve um breve encontro com ele e não só abriu mão de sua candidatura, como também propôs o nome de Galdino para o segundo biênio. Nesse cenário, Tião Gomes colocou seu próprio nome como vice de Adriano Galdino, que ficou com 23 votos contra 13 de Hervázio.

PORTAL DIÁRIO

Recomendado para você pelo google

COBRA REAJUSTE DE 2018

VÍDEO: Sindicalista elogia Zé Aldemir por salário de professores, mas diz que felicidade é ‘entre aspas’

ANALISAR MELHOR FORMA

Presidente da OAB Nacional diz que irá discutir modelo legal para a questão do armamento no Brasil

PARTICIPE!

Retiro de Carnaval de Pombal recebe adesão de fiéis para a execução do maior evento religioso da cidade

SANTA MARIA

VÍDEO: Faculdade de Cajazeiras é contraponto a injustiças sociais e falta de ‘gentilezas’, diz diretora