header top bar

section content

Ouça: Depois de oposição denunciar falta de ambulância em Triunfo, prefeito nega falta de atendimento. Veja!

O prefeito declarou que vai acionar a justiça contra João Coragem, pois o ex-gestor fez denúncias infundadas contra ele. "Não tem sentido essa denúncia"

Por

08/07/2014 às 15h08

Damísio responde denúncia de ambulância

O prefeito de Triunfo, Damísio Mangueira (PMDB), respondeu nesta terça-feira (08), a denúncia do ex-gestor João Coragem Pereira Júnior sobre a negativa de ambulância para paciente acometida de câncer. De acordo com o ex-prefeito, a paciente procurou Damísio para pedir o transporte, porém foi negado por não ser eleitora do atual gestor.

Resposta
Damísio declarou que a denúncia não procede, mas confessou ter sido procurado por uma pessoa que pediu um transporte. “Uma pessoa me procurou e eu encaminhei para Secretaria de Saúde. Foi pedido um carro. Fui honesto e disse que levava no meu carro”. Assegurou o chefe do executivo triunfense

O prefeito informou também que a paciente mora em outro município, não tendo obrigação de fornecer transporte, mas mesmo assim lhe ofereceu carona no seu carro. “Ela não mora no Triunfo”.

Entenda
Quanto a denúncia de João Coragem, afirmando que a ambulância do município só serve transportar os pais do  prefeito em viagens particulares, ele responde: “Isso é uma besteira. Não tem sentido uma denúncia dessas, é uma idiotice. É desespero político”. Atacou Damísio.

O prefeito declarou ainda, que vai acionar a justiça contra João Coragem, pois o ex-gestor fez denúncias infundadas contra sua pessoa.

Ouça áudio!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

ASSISTA!

DESABAFO: Primo de gari morto em Sousa afirma: ‘Não foi acidente de trabalho, ele foi atropelado”

MAIS EDUCAÇÃO

VÍDEO: No 2º dia da Mostra de Conhecimentos do N. S. do Carmo, alunos se destacam em temáticas diversas

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: No Mês da Black Friday, concessionária Brazauto oferece preços e formas de pagamento especiais

VÍDEO

Vereador lamenta falta de doação ao Hospital Laureano e acusa prefeito de Pombal: “Virou as costas”