header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Com um pé fora do Senado, Wilson Santiago gasta R$ 12 mil com marketing pesssoal

Ao todo, o peemedebista paraibano gastou R$ 23.432,45 mil do ¨cotão¨, nos meses de fevereiro e março.

Por

06/04/2011 às 09h24

Prestes a deixar o Senado Federal, Wilson Santiago (PMDB) não está economizando na hora de divulgar a sua atividade parlamentar. Em dois meses de atuação em Brasília o senador utilizou 85% da verba indenizatória da qual tem direito para a divulgação de seu trabalho. Ao todo, o peemedebista gastou R$ 23.432,45 mil do “cotão”, nos meses de fevereiro e março, sendo que R$ 20 mil foram voltados para noticiar a atividade parlamentar.

Somente em fevereiro Wilson Santiago gastou R$ 9.658,25 mil com a verba indenizatória. Desse total, R$ 8.250,00 mil foram voltados para a divulgação da atividade parlamentar. O restante dos gastos foi voltado para aluguel de imóveis para escritório políticos, locomoção, hospedagem, alimentação, combustíveis e lubrificantes, além de consultorias, assessorias, pesquisas e trabalhos técnicos.

Já em março o senador aumentou em 43% os gastos com o item “publicização do seu trabalho” passando para R$ 11.750,00 mil o investimento em divulgação da atividade parlamentar. Ao todo, no segundo mês de seu mandato, Santiago gastou R$ 13.774,20 mil com o uso do “cotão”. Outros R$ 2.024,20 mil foram voltados para locomoção, hospedagem, alimentação, combustíveis e lubrificantes.

Vital do Rêgo Filho
Garantido no Senado Federal pelos próximos oito anos, o senador Vital do Rêgo Filho (PMDB) investiu 98% menos com divulgação da atividade parlamentar que o colega Wilson Santiago. Nos dois primeiros meses de mandato Vitalzinho utilizou R$ 10.100,00 mil da verba indenizatória para noticiar o seu trabalho.

Ao todo, Vital utilizou R$ 19.491,76 mil do “cotão” nos meses de fevereiro e março. No primeiro mês de trabalho o senador usou R$ 10.926,73 mil, desses R$ 4,3 mil foram voltados para publicização de seu mandato. No segundo mês Vitalzinho gastou R$ 8.565,76 mil, sendo R$ 5,8 mil com divulgação.

Cícero Lucena
Os gastos com a verba indenizatória do senador Cícero Lucena (PSDB) não foram divulgados por completo. Apenas o mês de fevereiro pode ser verificado quando o parlamentar utilizou R$ 12.548,62 mil. Tudo foi gasto com locomoção, hospedagem, alimentação, combustíveis e lubrificantes.

Do Transparência Brasil

Tags:
ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Diversidade em Foco com professor de Português destaca as variações da nossa língua

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local