header top bar

section content

Com missa, Dom Aldo se despede da Paraíba

Em recente entrevista a revista Veja, Dom Aldo confessou que foi pressionado a renunciar pelo Vaticano.

Por Redação Diário

16/07/2016 às 22h55 • atualizado em 16/07/2016 às 23h56

Dom Aldo Pagotto, ex-Arcebispo Metropolitano da Paraíba

O ex-arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, se despediu da Arquidiocese da Paraíba com uma missa, neste sábado (16), na Igreja de Nossa Senhora do Carmo, no Centro de João Pessoa.

“Não vou fugir daqui. Saio pela porta da frente, não por outras portas. Minha profunda gratidão à Paraíba”, disse o religioso que e renunciou ao cargo no último dia 6 de julho.

Em recente entrevista a revista Veja, Dom Aldo confessou que foi pressionado a renunciar pelo Vaticano.

Ele é acusado de proteger envolvido com casos de pedofilia e caso com menor de idade. Ao sair da Paraíba, o bispo emérito segue para Fortaleza (CE), onde integra a comunidade Shalom.

MaisPB

Recomendado para você pelo google

ACUSADO TEM 36 ANOS

VÍDEO: Delegado fala sobre prisão de professor acusado de estuprar alunas adolescentes em Cajazeiras

FOI APREENDIDO

VÍDEO: Adolescente de 16 anos confessa assassinato de paraibano de Santa Helena no estado do Mato Grosso

TRISTEZA

VÍDEO! Homenagens e aplausos marcam o último adeus a “Dão do karatê”, morto com três tiros em Sousa

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Advogado denuncia que Prefeitura de Patos desrespeita direitos dos autistas: ‘Dinheiro existe’