header top bar

section content

VÍDEO: Crise econômica atinge Semana Santa e pescadores reclamam de pouca venda de peixes em Cajazeiras

Em 2018, além dos aumentos oportunistas que alguns vendedores aplicam, tem o agravante da crise

Por Jocivan Pinheiro

28/03/2018 às 15h32 • atualizado em 28/03/2018 às 15h40

Uma das principais tradições da Semana Santa para grande parte dos cristãos é a abstinência de carne, ou seja, não ingerir carne vermelha e substituí-la por outros alimentos durante esse período.

Atualmente a Igreja Católica aconselha a abstinência como gesto de conversão. O jejum é uma tradição que surgiu na Idade Antiga e se consolidou na Idade Média, época em que carne vermelha era consumida só em banquetes nas cortes e nas residências dos nobres, por isso tornou-se símbolo de gula e foi associada ao pecado.

A Igreja, então, passou a orientar os fiéis a comerem carne à vontade antes da Quaresma – o que deu origem aos banquetes chamados “carnevale” e ao nosso carnaval – e depois se absterem de carne durante os 40 dias que antecediam a Páscoa.

VEJA TAMBÉM: Reportagem mostra que a Semana Santa divide cajazeirenses entre tradições, indiferença e críticas

Pescadores vendem peixes em Cajazeiras

No Brasil, é comum as pessoas substituírem a carne por peixes. Mas todo ano repetem-se as reclamações sobre abuso nos preços dos alimentos alternativos.

Em 2018, além dos aumentos oportunistas que alguns vendedores aplicam, tem o agravante da crise financeira, por isso os pescadores reclamam que a venda está fraca.

Na cidade de Cajazeiras, o principal destino para quem quer comprar peixes é o Mercado Público da Av. Engenheiro Carlos Pires de Sá, no Centro. Mas lá, a realidade da crise também está atingindo os pescadores, como mostra a reportagem especial no vídeo acima.

Galeria

DIÁRIO DO SERTÃO

YOUTUBER DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Léo Abreu revela em quais profissões podemos encontrar psicopatas

ESPERANÇA NA POLÍTICA!

VÍDEO: Pastor evangélico fala sobre Bolsonaro: “Ele incorporou o que a sociedade acredita: a família”

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco