header top bar

section content

VÍDEO: Pastor sentenciado a 32 anos de prisão diz que foi visitado por Deus na cadeia e saiu em 30 dias

De acordo com o relato, Júlio César estava no presídio de Cajazeiras e seria transferido para o Rio de Janeiro para cumprir 32 anos quando recebeu missão de Deus

Por Jocivan Pinheiro

14/08/2018 às 18h28 • atualizado em 14/08/2018 às 18h36

O pastor Júlio César, da Igreja Real de Deus de Cajazeiras, deu um testemunho no Programa da Tarde que surpreendeu os internautas.

Natural do Rio de Janeiro, Júlio César conta que cometeu um crime na capital carioca, foi preso em Cajazeiras e na cela teve uma revelação divina.

De acordo com o relato, Júlio César estava detido no presídio de Cajazeiras e seria transferido para o Rio de Janeiro para cumprir pena de 32 anos quando teve uma espécie de sonho em que Deus teria mandado ele ler a Bíblia e divulgar a ‘palavra’ para os demais detentos prometendo que em 30 dias ele estaria solto. No trigésimo dia – penúltimo antes da transferência para o Rio – o advogado teria chegado com o alvará de soltura.

MAISArca da Aliança e show reúnem multidão em aniversário da Igreja Real de Deus de Cajazeiras

Júlio César não revela outros detalhes como a natureza do crime que ele teria cometido nem se está cumprindo a pena em liberdade condicional. Mas afirma que o episódio foi um milagre que o levou para a igreja.

“Foi um propósito que Deus quis que acontecesse na minha vida para eu hoje estar aqui na presença Dele, na Real de Deus. Ele tinha algo para minha vida. Ele não queria que eu permanecesse daquela maneira. Foi o primeiro milagre que aconteceu na minha vida.”

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

QUE VENHA!

VÍDEO! Profeta da chuva revela a previsão para o inverno no Sertão da Paraíba: “Serão 9 meses de chuva”

POLÊMICA

VÍDEO: Vereador cobra a convocação do concurso de Cajazeiras: ‘Era de urgência e o prefeito não convoca’

VÍDEO

Deputado cajazeirense abre o jogo e revela com quem fica após o racha no PSB da Paraíba

EDUCAÇÃO

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre tradicional colégio de Cajazeiras e recebe diretora, professoras e alunas