header top bar

section content

VÍDEO: Em missa de 120 anos da morte de Padre Rolim, pároco diz que povo deseja saber onde está o corpo

Padre Antônio Neto destaca que a missa é uma forma de agradecer pelos feitos materiais e imateriais do padre que é considerado santo pelos fiéis cajazeirenses

Por Jocivan Pinheiro

17/09/2019 às 14h10 • atualizado em 17/09/2019 às 14h12

O padre Antônio Neto, da Matriz de Nossa Senhora de Fátima, em Cajazeiras, celebrou na noite desta segunda-feira (16) uma missa solene pelos 120 anos de falecimento do padre Inácio de Sousa Rolim, considerado fundador da cidade e cujo falecimento ocorreu em 16 de setembro de 1899.

Padre Antônio Neto destaca que a missa é uma forma de agradecer pelos feitos materiais e imateriais do Padre Rolim, que é considerado santo pelos fiéis cajazeirenses.

“É também uma forma de gratidão por tudo aquilo que fez esse homem de Deus, consagrado sacerdote, certamente um homem santo em sua vida por suas virtudes, por seus dotes, pela sua caridade, pela fé que professou e por todo o patrimônio material e imaterial que ele deixou para nossa sociedade”.

VEJA TAMBÉM

Fiéis demonstram devoção e sacrifício na romaria da Serra do Cruzeiro, em Cachoeira dos Índios

Festa de N. S. dos Remédios é encerrada com procissão, missa campal e emocionante coroação

Padre Rolim faleceu em 16 de setembro de 1899

Padre Rolim, indiscutivelmente, é um dos filhos mais ilustres de Cajazeiras. Segundo relatos históricos, ele foi sepultado na Igreja Matriz, porém não se sabe o local exato.

“Certamente isso é um sonho de muitos cajazeirenses e também nosso de saber exatamente onde está o corpo do Padre Rolim. Claro que temos testemunhos coerentes de que ele está sepultado ao lado esquerdo do altar da nossa Igreja Matriz. Mas somente com, talvez, uma pesquisa mais profunda é que a gente possa ter a certeza disso”, falou padre Antônio Neto.

Objetos que pertenceram ao Padre Rolim

No dia 22 de agosto, Cajazeiras celebra o “dia da cidade”, instituído por lei municipal no ano de 1948, projeto de autoria do vereador Geminiano de Sousa. A ideia desta data foi do historiador Antonio José de Sousa, por ser a data  de nascimento do padre Inácio de Sousa Rolim, embora o município tenha sido criado no dia 23 de novembro de 1863 e a vila de Cajazeiras foi elevada à categoria de cidade no dia 10 de julho de 1876.

Redação DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

ECONOMIA

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe empresário José Kennedy e debate sobre o setor calçadista no Brasil

JUSTIÇA

VÍDEO: Xeque Mate promove debate entre promotor e advogado sobre nova lei de abuso de autoridade

IML DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: João Azevêdo inaugura Instituto de Polícia Científica e autoriza mais uma obra para Cajazeiras

EXCLUSIVO

VÍDEO: Em Cajazeiras, ex-ministro de Dilma fala sobre possibilidade de ser candidato a prefeito de SP