header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Após oito anos da queda da torre da igreja, padre critica Governo por obra inacabada

A obra está sendo realizada pela Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento da Paraíba (Suplan)

Por

12/03/2015 às 11h42

Igreja Matriz em Sousa (Foto: Diário do Sertão)

A queda da primeira torre da Igreja Matriz Nossa Senhora dos Remédios em Sousa completa oito anos no dia 29 de abril desse ano. A segunda torre também acabou desabando no dia 24 de abril de 2011. O templo está sendo reformado pelo Governo do Estado da Paraíba, no entanto a construção não tem previsão para ser terminada.

A reportagem do Portal e TV Online Diário do Sertão entrevistou nessa quinta-feira (12) o padre Milton Alexandre, que é o responsável pelo templo sagrado, e segundo ele, a reforma da torre poderão ser concluídas nos próximos dias.

A obra está sendo realizada pela Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento da Paraíba (Suplan), mas segundo o reverendo, a reforma da torre está paralisada.

“Minha esperança é que a obra termine. Acredito que em três meses tudo esteja concluído, vou manter contato com a Suplan, e espero que eles retornem ao trabalho para terminar a reforma, e com isso nós voltemos a celebrar nossa tradicional festa da padroeira na cidade de Sousa”, disse o padre Milton.

Assista a reportagem da TV Diário do Sertão

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores

PLANOS E METAS

VÍDEO: Cantor explica como pretende administrar o Atlético e declara que o problema do clube é político

CAMPEONATO PARAIBANO 2019

VÍDEO: Após vistoria técnica, representantes da CBF elogiam o estádio Perpetão: “É um dos melhores”

A ARTE DO CORPO

VÍDEO: Bailarino que dá aula de dança em Cajazeiras fala da sua trajetória e de projetos para a cidade