header top bar

section content

Hospitais de Cajazeiras e Patos realizam cirurgias eletivas e avançam no programa ‘Opera Paraíba’

Os procedimentos aconteceram nas cidades de Cajazeiras, Patos, Queimadas, Campina Grande, João Pessoa e Monteiro, com as especialidades de cirurgias gerais, ginecológicas, urológicas, oftalmológicas e da otorrinolaringologia

Por José Dias Neto

28/11/2021 às 20h40 • atualizado em 28/11/2021 às 20h42

Cirurgia no hospital. Foto: Divulgação

Só neste fim de semana o programa Opera Paraíba tirou da fila de espera por uma cirurgia eletiva mais 422 paraibanos. Os procedimentos aconteceram nas cidades de Cajazeiras, Patos, Queimadas, Campina Grande, João Pessoa e Monteiro. As especialidades atendidas foram cirurgias gerais, ginecológicas, urológicas, oftalmológicas e da otorrinolaringologia.

A agricultora Aluciene de Oliveira Silva, de 42 anos, moradora de Alagoa Grande, fez cirurgia de hérnia umbilical no Hospital de Clínicas, em Campina Grande. Ela conta que vinha se queixando de dores já há alguns meses. Na saída do hospital, a agricultora falou sobre a experiência vivida.

VEJA MAIS: 

Em ato de amor, família de paciente oriundo do Hospital Regional de Cajazeiras faz doação de órgãos

“Foi tudo rápido, e em pouco tempo minha cirurgia foi marcada. Estou satisfeita com tudo, aqui todo mundo trata a gente bem,” contou.

Em Cajazeiras, no Hospital Regional da cidade, o programa beneficiou entre a sexta-feira (26) e o domingo (28), 60 pessoas. A manicure Lioniza Santana Rufino, de 39 anos, foi uma delas. Ela fez cirurgia de histerectomia e saiu da unidade de saúde extremamente agradecida.  “Eu agradeço profundamente ao governo do estado pela oportunidade que me deu de mudar minha qualidade de vida, assim como está mudando a de outros paraibanos,” declarou.

Cirurgia no Hospital Regional de Cajazeiras. Foto: Divulgação

De acordo com o coordenador do programa, o médico Adilson Júnior, após a retomada do Opera Paraíba, no último mês de agosto, os números de intervenções cirúrgicas cresceram significativamente, resultando em mais paraibanos beneficiados.

“De agosto pra cá, o programa vem numa crescente, tanto no número de cirurgias, quanto nas especialidades atendidas. Por exemplo, esse mês de novembro temos o mês do homem, então já foram cerca de 200 cirurgias voltadas ao controle de natalidade masculina realizadas aqui no HC. Era uma especialidade que não tinha atendimento no programa,” explicou.

Até agora o Opera Paraíba já realizou quase 12 mil cirurgias em todas as regiões do estado, e a previsão para o próximo ano são mais 20 mil cirurgias.

DIÁRIO DO SERTÃO

AVANÇO NA EDUCAÇÃO

VÍDEO: Prefeita Denise Bayma entrega nova fachada e duas novas salas na Escola Maria do Carmo Gonçalves

DIREITO

VÍDEO: Adoções podem ser feitas extrajudicialmente a partir dos 12 anos, explica advogado

DEBANDADA

VÍDEO: Deputado Taciano Diniz explica por que deixou a base do governador para apoiar Veneziano

CANDIDATOS OU NÃO?

VÍDEO: Radialista desabafa contra políticos paraibanos que insistem em tentar recursos na Justiça

Recomendado pelo Google: