header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Lira quer incluir Vale do Piancó na transposição do São Francisco e confirma audiência com ministro da Integração

Durante a reunião, Lira explicou que ficou determinado que os parlamentares também irão incluir o Vale do Piancó, na Paraíba, no projeto de transposição do São Francisco.

Por

30/04/2015 às 14h00

Senador Raimundo Lira

O presidente da Comissão Externa do Senado que acompanha as obras de transposição de águas do Rio São Francisco, senador Raimundo Lira (PMDB-PB), afirmou que a segunda reunião da comissão, realizada ontem (29), foi marcada pela aprovação de plano de trabalho, que aborda temas como a normalização do fluxo das águas, a segurança dos solos, a viabilidade do cronograma, o bem estar social do cidadão e a preservação dos ecossistemas.
 
Durante a reunião, Lira explicou que ficou determinado que os parlamentares também irão incluir o Vale do Piancó, na Paraíba, no projeto de transposição do São Francisco. O senador paraibano afirma que a Paraíba, que já tem dois eixos de acesso ao São Francisco, pleiteia uma terceira entrada para beneficiar todos os municípios do estado, de modo a evitar que falte água em qualquer época do ano.
 
O objetivo da comissão é acompanhar todos os atos que fazem referência às obras do Rio São Francisco. Ela é uma continuação de outra comissão, encerrada ao final do ano passado, que, por dois anos, identificou os principais problemas nas obras e propôs soluções para acelerar o andamento do projeto. Implantada pela primeira vez no exercício parlamentar de 2014, ela tinha como presidente o ex-senador paraibano e hoje Ministro do Tribunal de Contas da União – TCU Vital do Rêgo Filho.
 
Comissão vai ouvir Ministro da Integração – Também foi decidido na reunião de ontem, pelo presidente do colegiado, que a primeira audiência pública da comissão será com o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, para informar sobre o andamento das obras de transposição. O encontro ainda não tem data marcada.
 
A transposição de águas do Rio são Francisco é o maior programa de segurança hídrica da Região Nordeste. De acordo com Raimundo Lira, a vida do nordestino nunca mais será a mesma depois que as águas captadas do Rio São Francisco estiverem escoando pelos canais construídos. “Daí o justificado entusiasmo de todos os que lutam para que essa obra monumental seja concluída”, disse o senador Lira.
 
Ele lembrou a importância da obra para o semiárido nordestino, pois, na sua opinião, vai levar água para consumo humano e animal e para ações que vão alavancar o desenvolvimento sócio econômico do Nordeste, beneficiando diretamente 390 municípios. Quando estiver pronta, confirma Raimundo Lira, a transposição vai beneficiar mais de 12 milhões de nordestinos, espalhados pelos estados da Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Pernambuco.

Assessoria

Tags:
HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local

EX-ALIADO

VÍDEO: Vereador revela que defender professores foi a ‘bomba’ que iniciou rompimento com José Aldemir