header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Famílias de Cajazeiras são denunciadas por abandonar idosos: "No Perpetão não caberia"

Segundo o sargento Maciel, os maiores abusos acontecem dentro da própria família.

Por

18/09/2013 às 17h38

O sargento Maciel, presidente do Conselho do Idoso de Cajazeiras denunciou nesta quarta-feira (18) vários problemas de maus tratos que ocorrem contra o idoso na cidade de Cajazeiras. Segundo o sargento Maciel, os maiores abusos acontecem dentro da própria família.

O sargento contou que recentemente, houve um caso de um idoso que é pai de 16 filhos e passou cinco dias internado no Hospital Regional de Cajazeiras sem receber a visita de nenhum dos filhos.

“A sorte dele é que as assistentes sociais comunicaram ao Conselho do Idoso e, juntamente com o Hospital Regional, conseguimos o cateterismo que o idosos precisava”, disse Maciel.

Outros problemas envolvendo idosos foram denunciados pelo sargento Maciel como o endividamento desses anciãos que são explorados dentro da própria família através de empréstimos e a convivência de alguns idosos com jovens usuários de crack que chegam a envolver os avós em seus crimes.

Entretanto, o sargento Maciel disse que o maior de todos os problemas é realmente o abandono das famílias. “Se tivéssemos um local do tamanho do Perpetão hoje, não caberia de tanto idoso abandonado, as famílias não querem cuidar”, disse ele.

O sargento Maciel disse que o Conselho do Idoso está lutando para conseguir uma ala médica no Hospital Regional de Cajazeiras somente para o atendimento de idosos.

Veja Vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
BLACK FIADO

VÍDEO: Conheça a versão mais popular da Black Friday que agita o comércio de Cajazeiras durante 30 dias

DESTAQUES DA SEMANA

VÍDEO: Repercussão da entrevista de José Aldemir encabeça as polêmicas do Direto ao Ponto desta terça

PROGRAMA DE MÚSICA

VÍDEO: Confira as novidades que vêm aí na nova temporada do Acústico Diário com cantor cajazeirense

VÍDEO

Secretário responde a sindicato e diz que acusações contra prefeito de Cajazeiras podem parar na Justiça