header top bar

section content

VÍDEO: Secretário diz quais cidades do Sertão da PB poderão atender casos de Covid-19 se houver demanda

Geraldo Medeiros disse que a estimativa é de que 65% dos casos sejam diagnosticados em João Pessoa, 25% em Campina Grande e apenas 10% no restante do estado

Por Jocivan Pinheiro

26/03/2020 às 16h25 • atualizado em 26/03/2020 às 16h28

A Paraíba é um dos estados do Brasil com menor número de casos confirmados do novo coronavírus até o momento. E a grande maioria dos casos confirmados que estão previstos pelos especialistas em saúde deverá ocorrer na capital João Pessoa.

Em participação no programa Olho Vivo, da TV Diário do Sertão, o secretário de Saúde Geraldo Medeiros disse que a estimativa é de que 65% dos casos sejam diagnosticados em João Pessoa, 25% em Campina Grande e apenas 10% no restante do estado.

De acordo com o secretário, atualmente a Paraíba conta com três hospitais de referência: Clementino Fraga, em João Pessoa; Pedro I e Hospital de Trauma em Campina Grande. Mas se houver demanda no Sertão e Alto Sertão que necessite referenciar unidades de saúde nessas regiões, o Estado poderá montar estruturas em Patos, Cajazeiras e Pombal.

VEJA TAMBÉM

Secretária de Saúde explica como ficam os exames realizados no CDI e na Policlínica de Cajazeiras

Até o momento a Paraíba registrou cinco casos confirmados do novo coronavírus e descartou 193. Restam 100 amostras de exames que foram enviadas ao Instituto Evandro Chagas, No Pará, segundo a Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Dentre os descartados está o de uma das mortes suspeitas por coronavírus, a primeira que havia sido notificada no estado, da mulher de 39 anos que morreu em um hospital particular de João Pessoa. O exame não acusou nenhum vírus respiratório. A Paraíba não tem caso confirmado de morte por coronavírus.

DIÁRIO DO SERTÃO

SEPARAÇÃO

Vice-prefeita de Ipaumirim-CE explica rompimento com o prefeito: “Não me afastei do município”

MIGRANDO

VÍDEO: Tradicional rádio AM de Sousa está mudando para a frequência FM: “Será mais uma alternativa”

APOIO

VÍDEO: projeto social Gestar Cajazeiras ajuda gestantes e puérperas em meio à pandemia da COVID-19

SUPERAÇÃO

Após perder perna, ciclista faz Vakinha para conseguir comprar prótese e revela sonho de ser triatleta.

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!