header top bar

section content

INSS vai rever mais de 250 mil aposentadorias por invalidez no país

O país tem três milhões de benefícios do gênero.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

12/07/2016 às 09h40

Perícia: médicos atenderão no começo e no fim do expediente (Foto: Luís Alvarenga)

Mais de 250 mil aposentados por invalidez, em todo o país, serão alvos de novas perícias médicas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), a partir de agosto. Nos últimos anos, 256.481 segurados conseguiram seus benefícios por meio de ações judiciais, sem prazo de determinado para a suspensão do pagamento. Esses segurados estão na linha de frente da Medida Provisória (MP) 739, publicada na última sexta-feira, que estabelece a revisão dos benefícios por incapacidade vigentes há mais de dois anos.

Considerando também as aposentadorias por invalidez concedidas administrativamente nas agências do INSS, o país tem três milhões de benefícios do gênero.

Para que todos os exames sejam feitos, os postos do instituto poderão funcionar aos sábados, até com mutirões. Segundo o governo, serão feitas mais de cem mil perícias por mês. Para isso, os médicos receberão R$ 60 a cada exame de revisão.

Para passar pela nova avaliação, que determinará se tem condições de voltar a trabalhar, o aposentado deverá receber uma carta do INSS informando a data para comparecer à agência. Porém, segundo o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, ainda não se sabe quando as correspondências começarão a ser enviadas. As regras de convocação ainda serão fixadas por uma portaria interministerial, a ser divulgada até 8 de agosto.

As revisões são combatidas por entidades que defendem os aposentados e são contra “a tentativa do governo de cortar o maior número possível de benefícios”. Nesta semana, a Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas (Cobap) enviará um ofício ao INSS, pedindo que as perícias sejam feitas na presença de sindicalistas.
— Queremos garantir que o aposentado tenha um exame correto, para evitar cancelamentos indevidos de benefícios — disse o presidente da entidade, Warley Martins.

Extra

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan