header top bar

José Ronildo

section content

Cirurgias eletivas

05/10/2020 às 09h01

Coluna de José Ronildo

Pelo que pude extrair da entrevista prestada pela superintendente do HUJB, Mônica Paulino, a casa hospitalar, que tinha como meta implantar uma maternidade, preferiu usar a estrutura que dispunha, como uma enfermaria e um Centro Cirúrgico, para realizar cirurgias eletivas. Uma UTI neonatal também é um sonho distante, principalmente pelas dificuldades para contratação de neonatologistas. O fato é que há algum tempo, o hospital não atende mais apenas crianças, passou a ser um hospital geral.

A população de cajazeiras e região vinha sofrendo em função do Hospital Regional não vinha fazendo as cirurgias eletivas. Muita gente estava tendo que vender alguma coisa, ou fazer campanha para realizar uma cirurgia eletiva particular. O HRC alegava que a referência do hospital era urgência e emergência e por isso não vinha recursos para as eletivas.

Recentemente, o Ministério da Saúde resolveu acabar com essa vergonha e começou a liberar recursos para os estados e municípios. Esse trabalho foi interrompido pela pandemia do novocoronavírus, mas agora está sendo retomado. Além do HUJB, o HRC também deve retomar as cirurgias eletivas, tendo em vista que o governador João Azevêdo anunciou que o programa “Fila Zero” em relação às eletivas estava sendo retomado.

O HUJB-UFCG realiza atendimentos ambulatoriais/consultas nas especialidades de pediatria, ginecologia, obstetrícia (acompanhamento pré-natal de alto risco), otorrinolaringologia, clínica médica, cirurgia geral, urologia, cardiologia e infectologia. Além das especialidades médicas, também oferece vagas para consultas/atendimentos/acompanhamentos de profissionais de nível superior na atenção especializada (psicologia, fisioterapia, fonoaudiologia, terapia ocupacional), além dos atendimentos de enfermagem, serviço social, pedagogia e odontologia.

Atualmente o hospital oferece exames diagnósticos em análises clínicas, radiografia, ultrassonografia (simples e com Doppler), colposcopia, ecocardiográfica transtorácica e eletrocardiografia.

Em outubro de 2018 o HUJB-UFCG passou a realizar cirurgias eletivas, iniciando pelas cirurgias ginecológicas. Em 2019 o hospital também passou a realizar cirurgia geral, cirurgias de otorrinolaringologia e de urologia, tanto hospitalares como ambulatoriais.

Renda mínima

O líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), afirmou que o novo programa social do governo de Jair Bolsonaro (sem partido) está estruturado e pronto para ser analisado pelos parlamentares.

O texto precisa passar pelo crivo dos líderes partidários no Congresso, com destaque para o Centrão, antes de ser apresentado oficialmente e tramitar no Legislativo. Senão, a articulação em torno do tema pode ficar prejudicada e travar a iniciativa.

O governo surpreendeu mais uma vez e informou que pretende tirar recursos do Fundeb para bancar o novo programa de Renda Mínima que vai substituir o Bolsa Família e que deve ficar entre R$ 200 e R$ 300 reais. A proposta não obteve boa aceitação no Congresso Nacional.

Antes, o presidente vetou a extinção do abono salarial do PIS e o fim do Salário Família para bancar o programa, uma proposta do ministro da Fazenda, Paulo Guedes.

Renda mínima

O líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), afirmou que o novo programa social do governo de Jair Bolsonaro (sem partido) está estruturado e pronto para ser analisado pelos parlamentares. O texto precisa passar pelo crivo dos líderes partidários no Congresso, com destaque para o Centrão, antes de ser apresentado oficialmente e tramitar no Legislativo. Senão, a articulação em torno do tema pode ficar prejudicada e travar a iniciativa. O programa vai substituir o Bolsa Família. Como o governo não tem recursos, Guedes já propôs acabar com o Salário Família e acabar com o abono do Pis, propostas rejeitadas pelo presidente. Agora quer tirar recursos do Fundeb. O parto tá difícil.

 Rápidas

*Algumas curiosidades no registro de candidaturas em Cajazeiras. O PSL por exemplo registrou a candidatura de pai e filha para disputar uma cadeira na Câmara Municipal, no caso, Cabo Enéas e Mara Bandeira.

*Mesmo com a observância ainda do coeficiente eleitoral para determinar se um partido fará ou não candidatos a vereador, o PMN registrou apenas uma candidatura a vereador.

*O Ministério Público Federal do Rio de Janeiro denunciou o senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro e seu ex-assessor, Queiroz por entender que ele promoveu rachadinha quando era deputado estadual.

*Pelo esquema, assessores devolviam parte dos seus salários para o deputado, por meio do Queiroz.

José Ronildo

José Ronildo

Redator do Jornal Gazeta, Radialista e apresentador do Microfone Aberto da Rádio Alto Piranhas

Contato: altopiranhas@uol.com.br

ELEIÇÕES 2020

VÍDEO: Leonardo Gadelha diz que saúde de Sousa está na UTI, e Tyrone chama o adversário de ‘alienígena’

PROPOSTAS PARA SOUSA

VÍDEO: Em debate, candidato propõe modernização do DAESA, e adversário diz que o órgão é um ‘engodo’

DEBATES 2020

VÍDEO: Fábio Tyrone e Valdeci Filho divergem sobre investimentos em moradia popular na cidade de Sousa

"INGRATIDÃO"

VÍDEO: Denise responde a Zé Aldemir após ter família adjetivada de ‘casal anfitrião da Polícia Federal’

José Ronildo

José Ronildo

Redator do Jornal Gazeta, Radialista e apresentador do Microfone Aberto da Rádio Alto Piranhas

Contato: altopiranhas@uol.com.br

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!