header top bar

Fernando Caldeira

section content

Eu creio!

02/08/2019 às 07h50

Enquete foi realizada pelo Portal Diário do Sertão

Num surto de sinceridade, Jair Bolsonaro a um só tempo errou e acertou ao dizer que não havia nascido para ser Presidente. Errou porque hoje é o Presidente. Acertou porque não tem aptidão para ser Presidente.

Aí o grande problema: ser Presidente sem aptidão para ser Presidente!

Dá no que estamos assistindo, um absurdo atrás do outro, como que confirmando o ditado que diz que ‘nada é tão ruim que não possa piorar.’

De “Meio-ambiente é coisa que só interessa a vegano” até “Se o presidente da OAB quiser saber como seu pai desapareceu no período militar, eu conto”, Bolsonaro vai afirmando ‘preciosidades’ que confirmam que ele também acertou: “Não nasci para ser Presidente!”

É bem verdade que sua excelência só teve esse arroubo de sinceridade após alguns meses de governo, talvez assustado com o ‘mundo novo’ e absolutamente diferente do seu até então. Aí já era tarde! Já tínhamos um Presidente que não nasceu para Presidente, como ele próprio reconhece.

E agora, o que fazer? Temos um inepto assumido na Presidência de um país, pintando o sete, como se diz.

Num dia ele briga com estudantes universitários, dia seguinte com os professores, logo após desmerece os ambientalistas, em seguida é a vez da bordoada na OAB, de críticas à China, nosso maior importador, e por aí vamos numa escura caminhada sem fim rumo a não se sabe onde.

Em Brasília já se fala em impedimento do Presidente e até o jurista Miguel Reale Júnior, elaborador do pedido de impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff, declarou que o caso de Bolsonaro é de interdição.

E imaginar que há não muitos anos fomos a 6ª. economia mundial, tínhamos o Brasil fora do mapa da fome, chegamos quase ao pleno emprego…, para hoje retrocedermos pelo menos algumas décadas em quase todos os setores.

Mas não pensem que o Presidente está só. Não! Uma legião de admiradores o segue “religiosamente.” Talvez não seja mais a mesma que o elegeu mas ainda segue sendo uma legião de “crentes” no mito.

Parece que só não creram quando o Messias anunciou: “Não nasci para ser Presidente.”
Eu creio!

TI TI TI`S

*O jornalista Luis Torres vai deixar a Secom-PB após 7 anos a frente da pasta. Lívia Carol, Tião Lucena, Nonato Bandeira, Ronaldo Guerra e Naná Garcêz são alguns nomes especulados para substituí-lo;

*O Prefeito de Cajazeiras está em alto astral. Também não é para menos: quase 60% do povo cajazeirense aprova sua gestão, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Opinião, de Campina Grande. Mas não é só: o TCE aprovou as contas do 1º ano da gestão (2017). Aldemir é só alegria!;

*Enquanto não se concluem as obras da transposição pelo eixo norte, o eixo leste está absolutamente abandonado (veja fotos: http://noticiaspb.com.br/2019/07/30/transposicao-vistoria-tecnica-do-mpf-aponta-impropriedade-de-concepcao-e-ou-execucao-das-obras-do-eixo-leste-fotos/ );

*A classe empresarial de Cajazeiras, principalmente, fez grande alarido para a construção do Aeroporto Regional. O aeroporto está pronto. E agora?;

*Edval Nunes, o Cajá, saiu moço de Cajazeiras rumo a Recife. Lá embrenhou-se na luta pela redemocratização do país, foi perseguido, preso e torturado. Domingo próximo Cajá será o entrevistado do TREM DAS ONZE!

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br

Recomendado para você pelo google

VIOLÊNCIA SEM PARAR

VÍDEO: Jovem é morto com vários tiros e mulher fica ferida após ser vítima de bala perdida em Cajazeiras

TRAGÉDIA

VÍDEO: Comandante da PM lamenta morte de vereador e diz que assassinos são conhecidos no crime

VÍDEO

Padre convoca população para manifesto pelo Parque de Exposições na visita do governador a Cajazeiras

VÍDEO

Jornalista ‘aposta’ em união de João Azevêdo e Cartaxo para derrotar Ricardo Coutinho em JP

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br