header top bar

José Ronildo

section content

Resultado das eleições

21/01/2022 às 17h10

(Foto: APU GOMES/ Alan Santos/PR).

Por José Ronildo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que lidera as pesquisas para a disputa ao Palácio do Planalto disse que a população rejeita autoritarismo e que todo mundo terá que respeitar os resultados das eleições de 2022.
A declaração, que rememora posicionamento anterior dele, ocorre após novos ataques do presidente Jair Bolsonaro (PL) ao sistema eleitoral e aos ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal).

“Eu disse nesse começo de ano ao jornal britânico The Telegraph que a democracia brasileira sairá mais forte de 2022, e todos terão que aceitar o resultado das eleições. A maioria dos brasileiros rejeita o autoritarismo e o desastroso desgoverno atual”, escreveu Lula em sua conta no Twitter. Dias antes, o presidente Bolsonaro acusou Barroso e Moraes de ameaçar e cassar “liberdade democráticas” com o objetivo, segundo ele, de beneficiar a candidatura de Lula.

“Quem esses dois pensam que são? Que vão tomar medidas drásticas dessa forma, ameaçando, cassando liberdades democráticas nossas, a liberdade de expressão porque eles não querem assim, porque eles têm um candidato. Os dois, sabemos, são defensores do Lula, querem o Lula presidente”, declarou Bolsonaro, durante uma entrevista ao site Gazeta Brasil.

Bolsonaro, que fez repetidos ataques a ministros do STF antes do atos de raiz golpista do 7 de Setembro, chegou a baixar seu tom nos meses seguintes, após se desculpar e escrever uma carta com auxílio do ex-presidente Michel Temer (MDB). Teria sido também uma condição imposta pelos partidos do Central para apoiá-lo no Congresso. No final de 2021, porém, voltou a atacar integrantes da corte e o sistema eleitoral.

O presidente ainda investiu contra Moraes e lembrou o julgamento, pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que rejeitou a cassação da chapa presidencial por participação em esquema de disparo em massa de fake news nas eleições de 2018.

Na ocasião, Moraes, que será presidente do TSE em 2022, afirmou que, se houver disparo em massa de fake news nas próximas eleições, os responsáveis serão cassados e “irão para a cadeia por atentar contra as eleições e a democracia”.

Outro argumento que poderia ser utilizado pelo presidente para tentar melar o resultado das eleições seria dizer que a volta da esquerda representaria uma ameaça às famílias tradicionais, a volta da corrupção, a insegurança no campo, etc. As Forças Armadas sempre rechaçam qualquer possibilidade de embarcar em qualquer tipo de movimento golpista ensaiado pelo presidente.

Chico Mendes

Faltando menos de quatro meses para seu afastamento efetivo do cargo de prefeito de São José de Piranhas, Chico Mendes (Cidadania) garantiu uma nova etapa de pavimentação asfáltica que vai contemplar ruas da cidade. Os investimentos em parceria com governo estadual giram em torno de R$ 3 milhões.

Chico Mendes que é pré-candidato a deputado estadual, reforçou também obras desta feita com recursos próprios para pavimentação a paralelepípedos de diversas ruas, atendendo a demanda de bairros afastados do centro da cidade, comunidades rurais e distritos, além de uma bela praça e uma escola técnica estadual.

José Ronildo

José Ronildo

Redator do Jornal Gazeta, Radialista e apresentador do Microfone Aberto da Rádio Alto Piranhas

Contato: altopiranhas@uol.com.br

VEREADORES

VÍDEO: Em lados opostos, Bruna Veras e Denis Formiga concordam que DAESA é o maior ‘gargalo’ de Sousa”

SOBRE BOLSONARO

VÍDEO: “Estamos enfrentando um adversário que representa o antiamor, a antipaz”, diz Lula em discurso

EM SOUSA

VÍDEO: Governo do Estado entrega equipamentos ao HRS e ex-secretário comenta sobre polêmica do tomógrafo

MÚSICA AO VIVO

VÍDEO: Casal Cleo Moura e Adailson Soares agitam o Show Diário com muito forró em clima de São João

José Ronildo

José Ronildo

Redator do Jornal Gazeta, Radialista e apresentador do Microfone Aberto da Rádio Alto Piranhas

Contato: altopiranhas@uol.com.br

Recomendado pelo Google: