header top bar

section content

Justiça Federal determina reabertura do sistema Fies no Sertão da Paraíba

A decisão ainda pode ser objeto de recurso pela Fazenda Pública

Por Luzia de Sousa

17/03/2016 às 17h34 • atualizado em 17/03/2016 às 18h10

A 14ª Vara Federal da Justiça Federal na Paraíba, em Patos, deferiu pedido formulado pelo Ministério Público Federal (MPF), na Ação Civil Pública nº. 0800055-03.2016.405.8205, para determinar, em sede liminar, que o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE proceda, no prazo improrrogável de 5 dias – até 21 de março – a reabertura do sistema SISFIES.

De acordo com decisão, o sistema deverá permanecer disponível aos candidatos pelo prazo de 10 dias, de forma a possibilitar o cadastramento dos alunos pré-selecionados no FIES para vagas nas Faculdades Integradas de Patos – FIP.

O MPF ajuizou a Ação Civil Pública ante a ocorrência de falhas no sistema do FIES durante o acesso dos candidatos ao sítio eletrônico SisFIES para efetuar o cadastramento. A Central de Atendimento do Ministério da Educação informou por e-mail ao MPF, após pedidos de explicação, que o problema decorreu do sobrecarregamento no sistema devido a acessos simultâneos.

O FNDE foi intimado da decisão judicial no dia 15/03/2016, de sorte que a entidade possui, a partir dessa data, 5 dias para reabertura do sistema. O sistema para cadastramento no SiSFIES deverá permanecer, segundo a citada decisão, aberto durante 10 dias ininterruptos, para cadastramento dos alunos pré-selecionados.

A decisão ainda pode ser objeto de recurso pela Fazenda Pública.

Da Ascom

Recomendado para você pelo google

"QUER ENRICAR AINDA MAIS"

VÍDEO: Pastor de Cajazeiras diz que famoso bispo está vendendo imagens de deusa egípcia na igreja

FOGO NO LIXÃO

VÍDEO: Júnior Araújo denuncia fumaça que tomou conta de Cajazeiras e ataca prefeito Zé Aldemir

ENTREVISTA

Presidenta do Coren diz que enfermeiro pode ter clínica, luta pelo piso salarial e fala sobre concursos

POSSÍVEL CANDIDATO

VÍDEO: Ex-prefeito de Cachoeira dos Índios revela quais os ‘vices dos sonhos’ para sua chapa em 2020