header top bar

section content

Governo promove ações alusivas ao Dia Mundial de Luta contra a Tuberculose

A partir de segunda-feira (12), a SES, por meio do Núcleo de Doenças Endêmicas, Complexo Hospitalar Clementino Fraga e Comitê Estadual de Controle da Tuberculose, inicia as atividades em alusão ao Dia Mundial de Luta contra a Tuberculose (24).

Por Priscila Belmont

09/03/2018 às 18h20

TOSSE POR MAIS DE TRÊS SEMANAS PODE INDICAR TUBERCULOSE

A partir de segunda-feira (12), a Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio do Núcleo de Doenças Endêmicas, Complexo Hospitalar Clementino Fraga e Comitê Estadual de Controle da Tuberculose, inicia as atividades em alusão ao Dia Mundial de Luta contra a Tuberculose (24). Até o final do mês, serão realizados seminários para os profissionais da Atenção Básica e estudantes da UEPB; panfletagem em feiras públicas; conversa com as pessoas em situação de rua e com prostitutas, sobre sintomas da doença e medidas de prevenção e inauguração do laboratório para o diagnóstico da tuberculose, na UEPB.

“A tuberculose ainda é um grande problema de saúde pública, apesar de tratamento gratuito e disponível em toda rede pública. Daí a necessidade de fortalecer parcerias com instituições que trabalham com pessoas em situação de maior vulnerabilidade, com o intuito de promover estratégias que proporcionem diagnóstico precoce, tratamento oportuno e cura”, disse a chefe do Núcleo de Doenças Endêmicas, da SES, Lívia Borralho.

De acordo com a programação, na próxima terça-feira (13), das 13 às 16h30, será realizado o I Seminário Multiprofissional em Tuberculose, na UEPB, em Campina Grande, com o tema: “O papel da extensão universitária na saúde pública”, com a presença do consultor técnico do Ministério da Saúde, responsável pela área técnica de diagnóstico para a tuberculose, Ruy de Souza.

Na quarta-feira (14), terá o Dia D com diversas atividades alusivas ao tema. Será realizada panfletagem na Feira de Jaguaribe; ações de intensificação de diagnóstico e um seminário multiprofissional para os trabalhadores de saúde dos municípios da 1ª Macrorregional, no Clementino Fraga. Na quinta-feira (15), terá panfletagem no Ponto de Cem Reis e qualificação para os médicos do Clementino Fraga sobre manejo da tuberculose resistente.

Ainda terá, durante todo mês de março, ação de mobilização no controle da tuberculose com moradores de rua (orientações, atividades educativas, identificação de sintomático respiratório, coleta de escarro para baciloscopia, distribuição de panfletos e atividades de música e capoeira).

A doença – A tuberculose é uma doença infectocontagiosa causada por uma bactéria que afeta principalmente os pulmões, mas, também pode ocorrer em outros órgãos do corpo, como ossos, rins e meninges (membranas que envolvem o cérebro).

É transmitida a partir da inalação de gotículas contendo bacilos expelidos pela tosse, fala ou espirro do doente com tuberculose ativa de vias respiratórias.

Sintomas – Tosse seca ou com secreção por mais de três semanas; cansaço excessivo; febre baixa, geralmente à tarde; sudorese noturna; falta de apetite; palidez; emagrecimento acentuado e rouquidão. O tratamento é de graça e disponível em toda rede pública.

Secom PB

QUARTO EPISÓDIO

Em homenagem ao Dia das Crianças, programa Coisas de Cajazeiras entrevistou uma turma esperta e antenada

EMOÇÃO E REVOLTA

VÍDEO: Após um ano e três meses, Victória Albuquerque é sepultada sob lágrimas e protestos em Cajazeiras

CRISE?

VÍDEO: Empresário afirma que tem vagas de emprego em Cajazeiras, mas faltam profissionais capacitados

DIRETO AO PONTO

Eleitos em Cajazeiras devem se comprometer com aeródromo, estrada de Boqueirão e hospital, diz colunista