header top bar

section content

Polícia elucida assassinato de agente de investigação e prende três suspeitos em Piancó

Durante a ação, realizada por policiais civis do Sertão do estado, três homens foram presos em flagrante, entre eles o primo da vítima e um sobrinho.

Por Priscila Belmont

10/04/2018 às 10h33

Delegado geral, João Alves de Albuquerque.

O trabalho investigativo da Polícia Civil da Paraíba elucidou, em menos de 24h, o homicídio que teve como vítima o agente de investigação Jorge Leonardo de Oliveira, 59, assassinado na madrugada da última segunda-feira (9), na cidade de Piancó.

Durante a ação, realizada por policiais civis do Sertão do estado, três homens foram presos em flagrante, entre eles o primo da vítima e um sobrinho.

Segundo as investigações, o primo de Jorge, Francisco Francinaldo, teria planejado o crime, enquanto José Cláudio, sobrinho, seria o executor e Francisco Pereira teria guardado a arma utilizada no homicídio. Outras armas de fogo (espingardas), além daquela que pertencia ao agente de investigação (pistola .40), também foram apreendidas em poder dos três.

A prisão em flagrante do trio aconteceu ainda à noite, quando todos foram levados para a delegacia da cidade.

Superintendente regional, delegado André Rabelo

“Esse é mais um excelente trabalho de investigação realizado por policiais civis do Sertão. Todos estão de parabéns pelo empenho na elucidação não só desse caso, que teria sido motivado por disputa de terras, mas também de outros que têm sido desvendados, com a prisão de suspeitos naquela região”, destacou o delegado geral, João Alves de Albuquerque, acrescentando que o superintendente regional, delegado André Rabelo, acompanhou as ações.

Secom PB

Recomendado para você pelo google

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: No Mês da Black Friday, concessionária Brazauto oferece preços e formas de pagamento especiais

VÍDEO

Vereador lamenta falta de doação ao Hospital Laureano e acusa prefeito de Pombal: “Virou as costas”

TROVÃO NO BRASILEIRÃO

VÍDEO: Prefeito se compromete a patrocinar o Atlético de Cajazeiras com R$ 20 mil mensais em 2020

É LEI OU NÃO?

VÍDEO: Advogado explica diferenças entre união homoafetiva estável e casamento gay no âmbito jurídico