header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Polícia apreende menor e identifica suspeitos de matar homem no Sertão da Paraíba

O crime aconteceu em uma Rua do Conjunto Augusto Bernardo, na cidade de Pombal, no Sertão da Paraíba.

Por

11/09/2015 às 17h51

Polícia apreende menor e identifica suspeitos de matar homem no Sertão

Em menos de cinco horas, os policiais civis da 9ª Seccional de Itabaiana conseguiram identificar e apreender um menor de 17 anos, suspeito de participar do homicídio de José Ferreira Estevam, 37 anos, atingido com um tiro na cabeça. O crime aconteceu em uma Rua do Conjunto Augusto Bernardo, na cidade de Pombal, no Sertão da Paraíba.

Segundo os moradores da área, José Ferreira foi assassinado na noite da quinta-feira (10), e apesar do homicídio ter acontecido no meio da rua, a polícia só foi informada no inicio da manhã desta sexta-feira (11). Informações colhidas no local revelaram que o responsável pelo disparo é uma pessoa que mora no Conjunto e por ele ser bastante perigoso as pessoas acharam melhor não comunicar o fato para a polícia.

Depois de realizar o levantamento sobre a vítima, os agentes de investigações descobriram que José tinha se envolvido em uma briga com um homem conhecido como Edilson. A discussão teria sido motivada pelo controle do tráfico na área. A partir desta informação, a casa do suspeito foi descoberta e um menor que estava na residência de Edilson foi apreendido com a arma usada no crime.

“O menor informou que junto com a irmã Claudiana, mulher de Edilson, foi até a casa de José e chamaram ele para beber. Os três seguiram para um bar, mas antes de chegar no local Edilson sacou a arma e efetuou o disparo na cabeça da vítima. O menor alegou que José foi assassinado porque teria ameaçado o cunhado de morte. Ele também disse que Edilson e a mulher, depois do crime, foram dormir em uma pousada da cidade para fugir da prisão em flagrante”, disse o delegado seccional Hugo Helder.

A suspeita de que a arma apreendida com o menor, um revolver calibre 38, pode ter sido a usada no crime é porque ela estava com cinco balas intactas e uma deflagrada. Na casa do suspeito também foram encontrados maconha e sacos usados para embalar a droga o que mostra que o local era um ponto de venda de entorpecentes.

Na residência a polícia também encontrou fotos de Edilson e da mulher dele, Claudiana. “As fotos vão ajudar nas buscas dos suspeitos. Já solicitei à Justiça o pedido de prisão preventiva dos dois. O menor foi encaminhado para o Juizado da Infância e Adolescência, que é responsável pela aplicação da medida socioeducativa”, concluiu Hugo Helder.   

Da secom

Tags:
ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Diversidade em Foco com professor de Português destaca as variações da nossa língua

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local