header top bar

section content

Em 24h: Idosa é presa duas vezes por molhar carro de promotora no Sertão

Com problemas físicos e emocionais, a professora aposentada, Ana Lopes da Silva, de 81 anos de idade, foi presa duas vezes em menos de 24 horas.

Por

05/02/2015 às 08h43

Com problemas físicos e emocionais, a professora aposentada, Ana Lopes da Silva, de 81 anos de idade foi presa duas vezes em menos de 24 horas.

A primeira prisão da idosa, que mora na cidade de Itaporanga, ocorreu na terça-feira (03), quando não gostou ao ver um carro estacionado em frente de sua residência e jogou água no veículo pertencente a promotora de Justiça, Érika Bueno Muzzi.

Segundo informações de populares, Ana Lopes desacatou a representante do Ministério Público e foi levada presa por policiais militares. Na delegacia, a professora assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberada.

Não satisfeita com a liberdade da idosa, Érika Bueno pediu novamente a prisão da mulher, sendo acatada pela juíza Isabella Joseane, onde determinou busca e apreensão na casa da professora. No cumprimento do mandado, os policiais encontraram um revólver calibre 22, herança do pai de Ana Lopes, que mais uma vez foi presa. Ela pagou fiança de um salário mínimo e vai responder processo em liberdade.

Ana Lopes mora sozinha, está doente e sofre de grave lesão e inchaço nas pernas com dificuldades para sentar, além de estar com a saúde mental fragilizada. 

DIÁRIO DO SERTÃO com Folha do Vale

Tags:

Recomendado para você pelo google

SUCESSO

VÍDEO: Mensagem Empresarial mostra história de um dos maiores empresários e empreendedores de Cajazeiras

EMOCIONANTE

VÍDEO:Em documentário especial, Xeque Mate mostra realidade de famílias que moram no Lixão de Cajazeiras

ENTRE PÚBLICO E PRIVADO

VÍDEO: Empresário revela que quase foi candidato a prefeito de Cajazeiras e explica por que recusou

VÍDEO

Sindicatos batem martelo e definem novo salário dos comerciários de Cajazeiras para 2019-2020