header top bar

section content

Jeová Campos diz que Cajazeiras ganhará moderno Instituto de Medicina Legal

O sofrimento das famílias que perdem entes queridos por acidentes, ou por assassinato na região de Cajazeiras e que tem que desloca-los até o IML de Patos, está chegando ao fim,

Por

02/11/2009 às 09h18

O sofrimento das famílias que perdem entes queridos por acidentes, ou por assassinato na região de Cajazeiras e que tem que desloca-los até o IML de Patos, está chegando ao fim, é o que garante o deputado estadual Jeová Vieira Campos(PT).

O parlamentar sertanejo em recente encontro com a imprensa de Cajazeiras, questionado sobre o sofrimentos das famílias, que além de perderem seus entes queridos, ainda sofrem com a demora na liberação dos corpos, tendo em vista, Cajazeiras não dispor de médicos legislas, garantiu, que este problema está sendo solucionado, segundo o petista o governador Maranhão já se prontificou de em 2010 implantar o Instituto de Medicina Legal (IML).

A previsão é de que o IML fique pronto até agosto de 2010. O Governo do Estado, em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança Pública e o Ministério da Justiça, estarão investindo recursos nas obras físicas, para o qual, segundo informações do deputado, o governo irá disponibilizar recursos para compra de equipamentos de última geração, que irão equipar o instituto, além da contratação de médicos legistas e peritos.

Com isso Cajazeiras passará a ter o segundo IML do sertão, tendo em vista que existe outro na cidade de Patos, dividindo assim a demanda de necropsias.

JOSELITO FEITOSA
Da Redação do Diário do Sertão

Tags:
OS CIRENEUS DO CAMINHO

VÍDEO: Programa Mensagem de Esperança reflete sobre imunização espiritual e como lidar com adversários

'MENSAGEM DE FÉ'

VÍDEO: Padre apresenta programa especial na TV sobre a tradicional Festa de Dom Bosco em Cajazeiras

'OPINIÃO DO CIDADÃO'

VÍDEO: Em Cajazeiras, presidente da OAB-PB diz ser contra posse de arma: “Índices de mortes aumentam”

PROPRIEDADES EMBARGADAS

VÍDEO: Impedidos de plantar, agricultores de Cajazeiras acusam IBAMA de excessos na aplicação de multas